Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Acompanhe aqui o depoimento de Lindemberg


Do Diário OnLine

15/02/2012 | 15:19


Lindemberg Alves Fernandes, acusado de matar Eloá Pimentel em outubro de 2008, após mantê-la refém por cerca de 100 horas dentro do apartamento da vítima, em Santo André, fala ao Tribunal do Júri desde as 14h15 desta quarta-feira. Acompanhe aqui algumas das declarações do acusado, segundo o twitter do Tribunal de Justiça de São Paulo:

"Quero pedir perdão para a mãe dela (Eloá) em público, pois eu entendo a sua dor";

"Estava armado, pois dias antes recebi ameaças de morte pelo telefone. Era para garantir minha segurança";

"Puxei a arma para Eloá quando ela começou a gritar comigo, mentindo que ela não tinha ficado com o Victor";

"Mandei os três saírem do apartamento, pois eu queria conversar com ela sozinha. Mas eles se recusaram";

"Estou aqui para falar a verdade, afinal tenho uma dívida muito grande com a família dela";

"Quando a polícia chegou, fiquei apavorado. Não sabia o que fazer";

"Procurávamos nos distrair durante o tempo que ficamos no apartamento. Ouvíamos música e conversávamos bastante";

"Só não saímos pois tínhamos medo da reação da polícia";

"Infelizmente foi uma vida que se foi, mas em alguns momentos levamos aquela situação como se fosse uma brincadeira";

"Quando a polícia invadiu, a Eloá fez menção de levantar e eu, sem pensar, atirei. Foi tudo muito rápido";

"Não posso dizer se atirei ou não na Nayara. Eu não me lembro";

"Eu estava muito nervoso e tomei atitudes impensadas. Atirei para o chão para manter a polícia longe do apartamento";

"Pela dor da família. Eles são as vítimas. Se estou encarcerado, estou pagando por algo que eu fiz", respondeu Lindemberg quando perguntado sobre a garantia de estar falando a verdade;

"Eu não vim aqui para dar show, para comover ninguém".



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;