Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

MST invade laboratório e destrói pesquisas de vinte anos no RS


Do Diário OnLine
Com Agências

08/03/2006 | 20:35


Integrantes do Movimento Sem Terra promoveram nesta quarta-feira uma manifestação no Centro de Pesquisas Agropecuárias, no Rio Grande do Sul. Os trabalhadores rurais renderam vigias e permaneceram no local durante duas horas.

Os manifestantes rasgaram as estufas onde ficavam os viveiros de plantas da empresa e jogaram no chão cerca de dez quilos de sementes, usadas no trabalho de melhoramento da empresa.
 
o laboratório do centro também foi invadido pelos sem terra, que destruíram pesquisas desenvolvidas há 20 anos. A empresa estima um prejuízo de US$ 400 mil. Para a delegada que investiga o caso, os manifestantes foram orientados a atacar multinacionais e a ação foi planejada.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

MST invade laboratório e destrói pesquisas de vinte anos no RS

Do Diário OnLine
Com Agências

08/03/2006 | 20:35


Integrantes do Movimento Sem Terra promoveram nesta quarta-feira uma manifestação no Centro de Pesquisas Agropecuárias, no Rio Grande do Sul. Os trabalhadores rurais renderam vigias e permaneceram no local durante duas horas.

Os manifestantes rasgaram as estufas onde ficavam os viveiros de plantas da empresa e jogaram no chão cerca de dez quilos de sementes, usadas no trabalho de melhoramento da empresa.
 
o laboratório do centro também foi invadido pelos sem terra, que destruíram pesquisas desenvolvidas há 20 anos. A empresa estima um prejuízo de US$ 400 mil. Para a delegada que investiga o caso, os manifestantes foram orientados a atacar multinacionais e a ação foi planejada.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;