Fechar
Publicidade

Sábado, 28 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Vereadores estão no alvo da oposição para posto de vice


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

30/08/2015 | 07:00


Prováveis candidatos ao comando do Paço de São Bernardo na eleição do ano que vem, os deputados Alex Manente (federal pelo PPS) e Orlando Morando (estadual pelo PSDB) costuram composição com nomes exclusivos do ramo político.

A tática difere radicalmente da postura adotada pelo prefeito Luiz Marinho (PT), que busca representante sem vício eleitoral para dobrada na chapa petista, que deve ser liderada pelo secretário de Serviços Urbanos, Tarcisio Secoli (PT). O presidente da subsecção da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) do município, Luís Ricardo Davanzo, é uma das possibilidades.

No alvo do PPS, o plano mais provável é com o ex-vereador Admir Ferro (PTB), repetindo dobrada de 2012. Entretanto, Antônio Cabrera (PSB) e Mauro Miaguti (DEM) têm mantido relação próxima com o popular-socialista.

Os parlamentares também são bastante comentados na conjuntura tucana. Na segunda-feira, em comemoração ao seu aniversário, Morando revelou “namoro” com Cabrera.

Outros vereadores, cujos nomes ventilam em provável aliança na chapa tucana, são José Walter Tavares (PCdoB) e Marcelo Lima (PPS).

Tavares, que sinaliza por aposentadoria no Legislativo, teve o irmão, Toninho Tavares, ingressando nas fileiras do PSDB. Além disso, ele teria mostrado descontentamento com administração petista, mesmo pertencendo ao arco de aliados. Um ato que revoltou o governo Marinho foi sua assinatura pelo pedido de CPI do Imasf (Instituto Municipal de Assistência à Saúde do Funcionalismo).

No caso de Marcelo, a possibilidade esteve próxima nos últimos meses, mas depois esfriou. A discussão deverá ser retomada após sua migração para o Solidariedade. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vereadores estão no alvo da oposição para posto de vice

Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

30/08/2015 | 07:00


Prováveis candidatos ao comando do Paço de São Bernardo na eleição do ano que vem, os deputados Alex Manente (federal pelo PPS) e Orlando Morando (estadual pelo PSDB) costuram composição com nomes exclusivos do ramo político.

A tática difere radicalmente da postura adotada pelo prefeito Luiz Marinho (PT), que busca representante sem vício eleitoral para dobrada na chapa petista, que deve ser liderada pelo secretário de Serviços Urbanos, Tarcisio Secoli (PT). O presidente da subsecção da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) do município, Luís Ricardo Davanzo, é uma das possibilidades.

No alvo do PPS, o plano mais provável é com o ex-vereador Admir Ferro (PTB), repetindo dobrada de 2012. Entretanto, Antônio Cabrera (PSB) e Mauro Miaguti (DEM) têm mantido relação próxima com o popular-socialista.

Os parlamentares também são bastante comentados na conjuntura tucana. Na segunda-feira, em comemoração ao seu aniversário, Morando revelou “namoro” com Cabrera.

Outros vereadores, cujos nomes ventilam em provável aliança na chapa tucana, são José Walter Tavares (PCdoB) e Marcelo Lima (PPS).

Tavares, que sinaliza por aposentadoria no Legislativo, teve o irmão, Toninho Tavares, ingressando nas fileiras do PSDB. Além disso, ele teria mostrado descontentamento com administração petista, mesmo pertencendo ao arco de aliados. Um ato que revoltou o governo Marinho foi sua assinatura pelo pedido de CPI do Imasf (Instituto Municipal de Assistência à Saúde do Funcionalismo).

No caso de Marcelo, a possibilidade esteve próxima nos últimos meses, mas depois esfriou. A discussão deverá ser retomada após sua migração para o Solidariedade. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;