Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Japão instalará mísseis em resposta à Coreia do Norte



26/03/2012 | 03:41


O Japão está determinado a instalar mísseis terra-ar no centro de Tóquio, em prontidão contra o possível lançamento de foguete de longo alcance pela Coreia do Norte, disse o ministro da Defesa japonês, Naoki Tanaka, nesta segunda-feira.

 

Além da instalação de uma bateria antimísseis na capital densamente povoada, haverá também instalações de baterias antimísseis na cadeia de ilhas ao sul de Okinawa, disse Tanaka aos legisladores.

 

"Estamos trabalhando para instalar o míssil Patriot na área metropolitana de Tóquio, como precaução", disse Tanaka aos membros da câmara alta, referindo-se ao PAC-3, sistema de defesa com mísseis terra-ar.

 

"Também nos preparamos para implementar o Patriot nas ilhas Nansei (sudoeste), incluindo Okinawa", frisou o ministro. A Coreia do Norte anunciou que vai lançar um foguete em meados de abril a fim de colocar um satélite em órbita, um movimento que EUA, Coreia do Sul e outras nações veem como pretexto para um teste com míssil de longo alcance, que são proibidos pela ONU. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Japão instalará mísseis em resposta à Coreia do Norte


26/03/2012 | 03:41


O Japão está determinado a instalar mísseis terra-ar no centro de Tóquio, em prontidão contra o possível lançamento de foguete de longo alcance pela Coreia do Norte, disse o ministro da Defesa japonês, Naoki Tanaka, nesta segunda-feira.

 

Além da instalação de uma bateria antimísseis na capital densamente povoada, haverá também instalações de baterias antimísseis na cadeia de ilhas ao sul de Okinawa, disse Tanaka aos legisladores.

 

"Estamos trabalhando para instalar o míssil Patriot na área metropolitana de Tóquio, como precaução", disse Tanaka aos membros da câmara alta, referindo-se ao PAC-3, sistema de defesa com mísseis terra-ar.

 

"Também nos preparamos para implementar o Patriot nas ilhas Nansei (sudoeste), incluindo Okinawa", frisou o ministro. A Coreia do Norte anunciou que vai lançar um foguete em meados de abril a fim de colocar um satélite em órbita, um movimento que EUA, Coreia do Sul e outras nações veem como pretexto para um teste com míssil de longo alcance, que são proibidos pela ONU. As informações são da Dow Jones.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;