Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Índia, teus cabelos...

Que o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), não tem tido muita habilidade para encontrar rapidamente soluções


Do Diário do Grande ABC

27/01/2010 | 00:00


Que o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), não tem tido muita habilidade para encontrar rapidamente soluções para questões administrativas, isso não é segredo para ninguém. Mas deixar de lado a questão cultural para atender a reclamações de grupos específicos já começa a soar estranho. Foi o que fez o prefeito no parque Cidade da Criança. Quem conhecia o espaço antes do fechamento, em 2008, ainda durante a gestão do prefeito William Dib (PSDB), lembra que no espaço Amazônia do parque havia uma estátua de uma índia loira, chamada Mani, que fazia referência à ‘lenda da mandioca'. Na história, Mani teria sido enterrada em um jardim que era regado todos os dias pelos índios da tribo. Depois de algum tempo, nasceu uma planta desconhecida. Os índios, então, cavaram e descobriram uma raiz branca, que eles deram o nome de mandioca, que significa ‘casa de Mani'. Sem saber o significado da presença da estátua no local, Marinho, então, atendeu ao pedido do movimento negro do município e mandou tirar a índia loira do parque. Se a moda pega, o que vai sumir de monumento histórico na cidade...



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Índia, teus cabelos...

Que o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), não tem tido muita habilidade para encontrar rapidamente soluções

Do Diário do Grande ABC

27/01/2010 | 00:00


Que o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), não tem tido muita habilidade para encontrar rapidamente soluções para questões administrativas, isso não é segredo para ninguém. Mas deixar de lado a questão cultural para atender a reclamações de grupos específicos já começa a soar estranho. Foi o que fez o prefeito no parque Cidade da Criança. Quem conhecia o espaço antes do fechamento, em 2008, ainda durante a gestão do prefeito William Dib (PSDB), lembra que no espaço Amazônia do parque havia uma estátua de uma índia loira, chamada Mani, que fazia referência à ‘lenda da mandioca'. Na história, Mani teria sido enterrada em um jardim que era regado todos os dias pelos índios da tribo. Depois de algum tempo, nasceu uma planta desconhecida. Os índios, então, cavaram e descobriram uma raiz branca, que eles deram o nome de mandioca, que significa ‘casa de Mani'. Sem saber o significado da presença da estátua no local, Marinho, então, atendeu ao pedido do movimento negro do município e mandou tirar a índia loira do parque. Se a moda pega, o que vai sumir de monumento histórico na cidade...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;