Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Fórum da Cidadania tem novo colégio executivo


Vinícius Casagrande
Do Diário do Grande ABC

13/09/2002 | 00:24


  Em meio a um processo de esvaziamento das discussões do Fórum da Cidadania do Grande ABC, tomou posse ontem o novo colégio executivo da entidade. No comando do Fórum para o próximo ano, assumiu o novo coordenador Eugênio Belmonte, representante da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de São Caetano, para o lugar de Clodoaldo Lima Leite.

Logo após a cerimônia de posse, Belmonte afirmou que a entidade precisa se tornar mais popular para estar mais presente junto à sociedade civil. “A tarefa é difícil, mas temos de nos empenhar para aproximar o Fórum do cidadão e chegar aos anseios da sociedade”, afirmou.

Para o novo coordenador, o esvaziamento da entidade é “fruto de um descontentamento da população com as políticas nacionais”. Belmonte afirmou que o Fórum precisa se revigorar para voltar a ter ação com o Poder Público. Para isso, avalia que será preciso levar de volta ex-coordenadores que estão ausentes da entidade. “Só com união forte é que se faz um Fórum produtivo”, disse.

A ausência de ex-coordenadores foi uma das justificativas apresentadas por Clodoaldo para o declínio da entidade nos últimos tempos. Para ele, muitas pessoas estiveram atuantes dentro do Fórum da Cidadania apenas quando a entidade vivia sob “luzes e holofotes”. “Esses que se afastaram vão entender que sociedade civil organizada significa também arregaçar as mangas e não apenas ficar debaixo das luzes e dos holofotes”, afirmou.

Clodoaldo avaliou, no entanto, que o esvaziamento das discussões dentro do Fórum da Cidadania é também conseqüência de uma menor ação das demais entidades regionais, com a Câmara Regional do Grande ABC, o Consórcio Intermunicipal do Grande ABC e dos sindicatos.

Para ele, após os ataques terroristas de 11 de setembro nos Estados Unidos as pessoas passaram a ser preocupar mais com os interesses pessoais que coletivos, o que também colaborou para o enfraquecimento da entidade.

Ao lado de Belmonte, também tomaram posse no colégio executivo do Fórum da Cidadania o vice-coordenador, Waldir Nicoluche; o primeiro secretário, Dalton Edson Messa; o segundo secretário, André José de Andrade; o primeiro tesoureiro, José Alberto Lima da Paixão e o segundo tesoureiro, José Braz da Silva. No conselho fiscal da entidade, os empossados foram Paulo Nishikawa, Ivan Vasconcelos, Elzir dos Santos Almeida Saracino, Luiz Antonio Andreazi e José Gomes.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;