Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 2 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Londres reforça cooperação com Rio para Jogos de 2016


das Agências

22/06/2012 | 07:00


A arena de basquete que será utilizada na Olimpíada de Londres, desmontável, poderá ser utilizada nos Jogos do Rio de Janeiro, em 2016. A possibilidade foi confirmada pela secretária de Esportes do governo do Rio de Janeiro, Márcia Lins, e pelo vice-primeiro-ministro do Reino Unido, Nick Clegg, que visitou ontem as obras de adequação do Maracanã para a Copa de 2014.

Márcia Lins disse que a instalação provisória poderá ser utilizada no Rio se houver acordo entre as empresas responsáveis pela sua construção, a prefeitura do Rio e o Comitê dos Jogos de 2016. "Conhecemos a arena desde a construção. Ela tem 15 mil lugares. Podemos, sim, utilizá-la, não necessariamente para basquete."

A visita do vice-primeiro-ministro britânico ao Maracanã teve como objetivo reforçar a parceria entre o Reino Unido e o Brasil no setor de segurança de grandes eventos e gestão de estádios. "Nós já estamos trabalhando juntos. Assim que finalizarmos nossa Olimpíada em Londres vamos poder dividir nossa experiência para que a sua (Rio-2016) também seja sucesso."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Londres reforça cooperação com Rio para Jogos de 2016

das Agências

22/06/2012 | 07:00


A arena de basquete que será utilizada na Olimpíada de Londres, desmontável, poderá ser utilizada nos Jogos do Rio de Janeiro, em 2016. A possibilidade foi confirmada pela secretária de Esportes do governo do Rio de Janeiro, Márcia Lins, e pelo vice-primeiro-ministro do Reino Unido, Nick Clegg, que visitou ontem as obras de adequação do Maracanã para a Copa de 2014.

Márcia Lins disse que a instalação provisória poderá ser utilizada no Rio se houver acordo entre as empresas responsáveis pela sua construção, a prefeitura do Rio e o Comitê dos Jogos de 2016. "Conhecemos a arena desde a construção. Ela tem 15 mil lugares. Podemos, sim, utilizá-la, não necessariamente para basquete."

A visita do vice-primeiro-ministro britânico ao Maracanã teve como objetivo reforçar a parceria entre o Reino Unido e o Brasil no setor de segurança de grandes eventos e gestão de estádios. "Nós já estamos trabalhando juntos. Assim que finalizarmos nossa Olimpíada em Londres vamos poder dividir nossa experiência para que a sua (Rio-2016) também seja sucesso."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;