Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

STJD absolve goleiro Felipe, do Santos


Do Diário OnLine

16/01/2007 | 08:50


O goleiro reserva do Santos Felipe foi absolvido da acusação de doping pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), na noite desta segunda-feira, no Rio de Janeiro. Ele foi flagrado no exame antidoping após a partida contra o Grêmio, dia 8 de outubro, pelo Campeonato Brasileiro. Sua urina apresentava traços de  hidroclorotiazida, substância considerada proibida.

Para conseguir a absolvição do atleta, os advogados do Santos utilizaram a estratégia de que o produto encontrado na urina de Felipe não é dopante, portanto, ele não teve um ganho de rendimento durante a partida. A hidroclorotiazida ela é proibida por mascarar certas substâncias dopantes e é encontrada em medicamentos para coração, fígado ou rins.

Com a decisão, o goleiro santista pode voltar a jogar normalmente pelo Santos. Felipe, por cumprir uma suspensão preventiva, acabou cortado da Seleção Brasileira que participa do Campeonato Sul-Americano Sub-20 realizado no Paraguai e que garante vaga para o Mundial da categoria, neste ano no Canadá, e nos Jogos Olímpicos de Pequim, na China, em 2008.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

STJD absolve goleiro Felipe, do Santos

Do Diário OnLine

16/01/2007 | 08:50


O goleiro reserva do Santos Felipe foi absolvido da acusação de doping pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), na noite desta segunda-feira, no Rio de Janeiro. Ele foi flagrado no exame antidoping após a partida contra o Grêmio, dia 8 de outubro, pelo Campeonato Brasileiro. Sua urina apresentava traços de  hidroclorotiazida, substância considerada proibida.

Para conseguir a absolvição do atleta, os advogados do Santos utilizaram a estratégia de que o produto encontrado na urina de Felipe não é dopante, portanto, ele não teve um ganho de rendimento durante a partida. A hidroclorotiazida ela é proibida por mascarar certas substâncias dopantes e é encontrada em medicamentos para coração, fígado ou rins.

Com a decisão, o goleiro santista pode voltar a jogar normalmente pelo Santos. Felipe, por cumprir uma suspensão preventiva, acabou cortado da Seleção Brasileira que participa do Campeonato Sul-Americano Sub-20 realizado no Paraguai e que garante vaga para o Mundial da categoria, neste ano no Canadá, e nos Jogos Olímpicos de Pequim, na China, em 2008.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;