Fechar
Publicidade

Sábado, 31 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Polícia descobre laboratório clandestino de drogas e prende quadrilha em Santo André

Reprodução Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Vanessa Soares
Do dgabc.com.br

11/06/2020 | 16:13


A Polícia Civil de São Paulo descobriu nesta quinta-feira (11) laboratório clandestino de fabricação de drogas sintéticas e anabolizantes na Rua Antônio Cardoso Franco, 552, no bairro Casa Branca, em Santo André e prendeu quadrilha que fabricava e comercializava os produtos ilícitos.

De acordo com boletim de ocorrência, os policiais chegaram até os criminosos após meses de investigações relacionadas ao tráfico de entorpecentes na região do bairro Penha de França, na Capital.

A equipe recebeu informações de que William Borges Oliveira, 26 anos, sairia de sua residência, na Rua dos Vianas, em São Bernardo, em posse de esteroides anabolizantes para venda. Após campana no local, os policiais abordaram Oliveira, que carregava uma sacola de plástico azul, onde foi encontrado cinco frascos da substância anabolizante parabolan. Interrogado, ele confessou que na sua casa havia outros cinco frascos com a droga masteron, que também foram apreendidos e contou ainda que entregaria os fracos para Heitor Silingardi Junior, 41, proprietário da loja HS Corpo e Saúde, localizada na Avenida Caminho do Mar, também em São Bernardo.

Após diligências no estabelecimento comercial, os policiais encontraram e apreenderam substâncias diversas em grande quantidade, além de R$ 232 em espécie. Questionado, Junior confessou que seria sócio do laboratório "Anabolic Labs USA", que constava na impressão dos rótulos esteroides anabolizantes apreendidos e apontou endereço no bairro Casa Branca, em Santo André, como local onde os entorpecentes eram fabricados.

No local, um apartamento sem condomínio, os policiais constataram que se tratava de laboratório para sintetização de drogas e fabricação de esteroides anabolizantes e também prenderam outros dois criminosos - Gustavo Rosetto, 25, e Marcelo Martins Heche, 24.

Os agentes aprenderam grande quantidade de substâncias diversas, bem como rótulos, frascos farmacêuticos, ampolas vazias e cheias, dosador químico, batedeira industrial e diversos comprimidos soltos que aparentavam ser ecstasy e comprimidos de substância anabólica, entre outros objetos, químicos e pertences destinados à fabricação e sintetização de tais substâncias.

Foi solicitado perícia no local e os quatro homens foram presos em flagrante. O caso foi registrado no 10° DP (Penha de França), na Capital, onde o caso foi registrado. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Polícia descobre laboratório clandestino de drogas e prende quadrilha em Santo André

Vanessa Soares
Do dgabc.com.br

11/06/2020 | 16:13


A Polícia Civil de São Paulo descobriu nesta quinta-feira (11) laboratório clandestino de fabricação de drogas sintéticas e anabolizantes na Rua Antônio Cardoso Franco, 552, no bairro Casa Branca, em Santo André e prendeu quadrilha que fabricava e comercializava os produtos ilícitos.

De acordo com boletim de ocorrência, os policiais chegaram até os criminosos após meses de investigações relacionadas ao tráfico de entorpecentes na região do bairro Penha de França, na Capital.

A equipe recebeu informações de que William Borges Oliveira, 26 anos, sairia de sua residência, na Rua dos Vianas, em São Bernardo, em posse de esteroides anabolizantes para venda. Após campana no local, os policiais abordaram Oliveira, que carregava uma sacola de plástico azul, onde foi encontrado cinco frascos da substância anabolizante parabolan. Interrogado, ele confessou que na sua casa havia outros cinco frascos com a droga masteron, que também foram apreendidos e contou ainda que entregaria os fracos para Heitor Silingardi Junior, 41, proprietário da loja HS Corpo e Saúde, localizada na Avenida Caminho do Mar, também em São Bernardo.

Após diligências no estabelecimento comercial, os policiais encontraram e apreenderam substâncias diversas em grande quantidade, além de R$ 232 em espécie. Questionado, Junior confessou que seria sócio do laboratório "Anabolic Labs USA", que constava na impressão dos rótulos esteroides anabolizantes apreendidos e apontou endereço no bairro Casa Branca, em Santo André, como local onde os entorpecentes eram fabricados.

No local, um apartamento sem condomínio, os policiais constataram que se tratava de laboratório para sintetização de drogas e fabricação de esteroides anabolizantes e também prenderam outros dois criminosos - Gustavo Rosetto, 25, e Marcelo Martins Heche, 24.

Os agentes aprenderam grande quantidade de substâncias diversas, bem como rótulos, frascos farmacêuticos, ampolas vazias e cheias, dosador químico, batedeira industrial e diversos comprimidos soltos que aparentavam ser ecstasy e comprimidos de substância anabólica, entre outros objetos, químicos e pertences destinados à fabricação e sintetização de tais substâncias.

Foi solicitado perícia no local e os quatro homens foram presos em flagrante. O caso foi registrado no 10° DP (Penha de França), na Capital, onde o caso foi registrado. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;