Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Portadores de hanseníase terão sapataria no Centro de S.Bernardo


Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

24/11/2006 | 22:36


A sapataria mantida pela Prefeitura de São Bernardo na Clínica de Especialidades da Vila Duzzi, e que atende hansenianos e portadores de deficiências físicas, terá novo endereço nos próximos dias. Será transferida para uma casa alugada no Centro da cidade, em frente ao Hospital Anchieta, na rua Silva Jardim. A mudança deve ocorrer até o próximo dia 15. Até lá, a Prefeitura terá de desocupar o espaço, cedido pelo INSS (Instituto Nacional de Seguro Social).

De acordo com o coordenador do Morhan (Movimento de Reintegração de Pessoas Atingidas pela Hanseníase), Reinaldo Matos Carvalho, o imóvel foi alugado pelo Hospital Anchieta, administrado pela Fundação ABC, que mantém convênio com a Prefeitura.

A unidade de São Bernardo produz em média oito pares de calçados ortopédicos por mês e é a única no Grande ABC, que atende também a Baixada Santista. Cerca de 200 pessoas são beneficiadas pelo serviço.

Conhecida como lepra, a hanseníase é causada pelo bacilo de Hansen, cujo contágio se dá por via respiratória, por meio do contato prolongado com o portador da doença.

Em estágio avançado, causa deformidades no corpo, principalmente pés e mãos. A doença tem cura. O tratamento, à base de remédios, dura em média um ano.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Portadores de hanseníase terão sapataria no Centro de S.Bernardo

Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

24/11/2006 | 22:36


A sapataria mantida pela Prefeitura de São Bernardo na Clínica de Especialidades da Vila Duzzi, e que atende hansenianos e portadores de deficiências físicas, terá novo endereço nos próximos dias. Será transferida para uma casa alugada no Centro da cidade, em frente ao Hospital Anchieta, na rua Silva Jardim. A mudança deve ocorrer até o próximo dia 15. Até lá, a Prefeitura terá de desocupar o espaço, cedido pelo INSS (Instituto Nacional de Seguro Social).

De acordo com o coordenador do Morhan (Movimento de Reintegração de Pessoas Atingidas pela Hanseníase), Reinaldo Matos Carvalho, o imóvel foi alugado pelo Hospital Anchieta, administrado pela Fundação ABC, que mantém convênio com a Prefeitura.

A unidade de São Bernardo produz em média oito pares de calçados ortopédicos por mês e é a única no Grande ABC, que atende também a Baixada Santista. Cerca de 200 pessoas são beneficiadas pelo serviço.

Conhecida como lepra, a hanseníase é causada pelo bacilo de Hansen, cujo contágio se dá por via respiratória, por meio do contato prolongado com o portador da doença.

Em estágio avançado, causa deformidades no corpo, principalmente pés e mãos. A doença tem cura. O tratamento, à base de remédios, dura em média um ano.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;