Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 27 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

A lista original de Dunga

O técnico da Seleção Brasileira relacionou outros jogadores que não foram confirmados e divulgados para os amistosos contra...


Especial para o Diário

30/10/2009 | 00:00


O técnico da Seleção Brasileira relacionou outros jogadores que não foram confirmados e divulgados para os amistosos contra Inglaterra e Omã.

Diego Souza, Sandro e Adriano estavam incluídos na lista. No final de semana, os clubes souberam do fato e pressionaram a CBF. Principalmente o Internacional de Porto Alegre, onde a informação vazou, com a concordância de Flamengo e Palmeiras, alegou que precisará dos seus astros para as partidas finais do Brasileiro.

Dunga cedeu a contragosto. E apresentou quatro novidades: Hulk, do Porto, Carlos Alberto, do Hoffenheim, Fábio Aurélio, do Liverpool e Michel Bastos, do Lyon. Isso parece incoerente porque o grupo para a Copa do Mundo está praticamente fechado. E não dá mais tempo para se testar ninguém.

Não seria o caso de se chamar Alexandre Pato, já conhecido e que está jogando bem no Milan? E a ausência de André Santos seria o sinal de que ele não agradou e estaria fora da África?

Coerente foi a convocação de Robinho e Juan, que por problemas de contusão não foram chamados nas últimas vezes. Eles poderão ser observados de perto e uma boa avaliação será feita. Afinal são titulares absolutos.

LAMENTÁVEL

No Exterior o Rio de Janeiro é visto como uma cidade exótica, alegre, bonita e de intensa prostituição. A escolha para sediar a Olimpíada de 2016 deu novo status à cidade, bem mais positivo.

As violentas cenas que correram o mundo nos últimos dias devem deixar qualquer estrangeiro e, especialmente o COI, com a pulga atrás da orelha.

Para nós, brasileiros, ficou banalizada a degradação física da cidade e a sua violência. Os governos têm imensa responsabilidade em tudo isso.

Todos sabem as causas e as soluções. O que está sendo feito até agora não passa de maquiagem.

ÁFRICA DO SUL

Todas as incertezas e insegurança que estamos vivendo em relação à África do Sul, que vai sediar a Copa, os estrangeiros devem sentir pelo Rio de Janeiro e pelo Brasil.

Não adianta ser forte economicamente, conseguir avanços e não tocar na ferida quando se trata de assuntos prioritários.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

A lista original de Dunga

O técnico da Seleção Brasileira relacionou outros jogadores que não foram confirmados e divulgados para os amistosos contra...

Especial para o Diário

30/10/2009 | 00:00


O técnico da Seleção Brasileira relacionou outros jogadores que não foram confirmados e divulgados para os amistosos contra Inglaterra e Omã.

Diego Souza, Sandro e Adriano estavam incluídos na lista. No final de semana, os clubes souberam do fato e pressionaram a CBF. Principalmente o Internacional de Porto Alegre, onde a informação vazou, com a concordância de Flamengo e Palmeiras, alegou que precisará dos seus astros para as partidas finais do Brasileiro.

Dunga cedeu a contragosto. E apresentou quatro novidades: Hulk, do Porto, Carlos Alberto, do Hoffenheim, Fábio Aurélio, do Liverpool e Michel Bastos, do Lyon. Isso parece incoerente porque o grupo para a Copa do Mundo está praticamente fechado. E não dá mais tempo para se testar ninguém.

Não seria o caso de se chamar Alexandre Pato, já conhecido e que está jogando bem no Milan? E a ausência de André Santos seria o sinal de que ele não agradou e estaria fora da África?

Coerente foi a convocação de Robinho e Juan, que por problemas de contusão não foram chamados nas últimas vezes. Eles poderão ser observados de perto e uma boa avaliação será feita. Afinal são titulares absolutos.

LAMENTÁVEL

No Exterior o Rio de Janeiro é visto como uma cidade exótica, alegre, bonita e de intensa prostituição. A escolha para sediar a Olimpíada de 2016 deu novo status à cidade, bem mais positivo.

As violentas cenas que correram o mundo nos últimos dias devem deixar qualquer estrangeiro e, especialmente o COI, com a pulga atrás da orelha.

Para nós, brasileiros, ficou banalizada a degradação física da cidade e a sua violência. Os governos têm imensa responsabilidade em tudo isso.

Todos sabem as causas e as soluções. O que está sendo feito até agora não passa de maquiagem.

ÁFRICA DO SUL

Todas as incertezas e insegurança que estamos vivendo em relação à África do Sul, que vai sediar a Copa, os estrangeiros devem sentir pelo Rio de Janeiro e pelo Brasil.

Não adianta ser forte economicamente, conseguir avanços e não tocar na ferida quando se trata de assuntos prioritários.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;