Fechar
Publicidade

Domingo, 29 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Márcio e Fábio vencem Grand Slam de Paris em dia de festa brasileira


Com Agências

31/07/2006 | 07:39


As duplas brasileiras masculinas de vôlei de praia fizeram bonito neste domingo na França. Isso porque Márcio e o Fábio Luiz saíram de quadra com ouro, no Grand Slam de Paris, ao derrotar os norte-americanos Jacob Gibb e Sean Rosenthal, por 2 sets a 0 (21/11 e 21/17). Além disso, Ricardo e Emanuel – campeões olímpicos – conquistaram o bronze, pois venceram os alemães Julius Brinke Christoph Dieckmann por 2 sets a 1 (21/14, 27/29 e 16/14).

O primeiro set do jogo foi bastante disputado. Só a partir do quinto ponto, os brasileiros conseguiram dominar a situação e deslanchar no placar. Márcio se destacou por suas defesas e ataques e Fábio Luiz chamou atenção no bloqueio, pois tem 2,04m de altura.

Já no segundo set, os norte-americanos conseguiram produzir mais, porém, não concretizaram a reação. Com uma cortada de Márcio, a dupla conquistou o quarto título da temporada no Circuito Mundial, igualando a marca atingida por Ricardo e Emanuel.

Para Márcio, a conquista é resultado da derrota sofrida na terceira rodada do circuito. "Serviu para voltarmos a manter o foco no campeonato", disse. Segundo ele, todas as duplas são muito boas, inclusive a dos Estados Unidos. "Agora passamos a ser cabeças-de-chave número um para o próximo torneio, na Áustria", comemorou. As fases eliminatórias para etapa da Áustria começam nesta segunda-feira, com a realização dos torneios entre atletas dos mesmos países.

O resultado vitorioso deixa Márcio e Fábio com 80% de aproveitamento em finais. Somente as etapas de Portugal – vencida pelos alemães Brink e Dieckmann – e a da Itália, pelos suíços Kobel e Heuscher, não ficaram para o Brasil.

No entanto, as duas duplas travam duelo para ver quem fica com a única vaga do Pan de 2007, no Rio de Janeiro. Como têm campanhas parecidas – com quatro vitórias e três segundos lugares – prever um vencedor fica difícil. Porém, mesmo com o título, o bronze de Ricardo e Emanuel impediu Fábio Luiz e Márcio de assumirem a liderança do ranking mundial. Os 800 pontos conquistados levaram a dupla aos 5600 pontos, enquanto Ricardo e Emanuel somam 5900 pontos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;