Fechar
Publicidade

Sábado, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Luxemburgo libera Marcos a ir ao ataque contra o Fla


Das Agências

14/11/2008 | 07:00


Depois de todo o mal-estar causado pelo goleiro Marcos ao ir seguidas vezes ao ataque na derrota contra o Grêmio, no último domingo, à contragosto do técnico Vanderlei Luxemburgo, quinta-feira o treinador liberou o pentacampeão a ir à frente, mas com ressalvas.

"O Marcos está liberado para ir ao ataque contra o Flamengo. Mas não da maneira equivocada que fez contra o Grêmio. Se o time estiver perdendo, ele pode aparecer em uma jogada de bola parada, no final do segundo tempo, para tentar ajudar os companheiros atrapalhando a zaga do adversário", explica o treinador.

Luxemburgo lembra que são raras as vezes em que os goleiros foram à frente e a jogada se converteu em gol. "Surgiram três ou quatro gols em jogadas onde foram para o ataque. Geralmente não são bons de bola e não sabem fazer gols. Se soubessem, seriam atacantes", ironiza Luxa.

"De tudo o que aconteceu contra o Grêmio, o que os jogadores do Palmeiras notaram é a vontade que o Marcos teve de ganhar o jogo. É claro que não fez da maneira correta, mas é esse espírito de vencedor que quero de todo o elenco contra o Flamengo", concluiu o treinador.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Luxemburgo libera Marcos a ir ao ataque contra o Fla

Das Agências

14/11/2008 | 07:00


Depois de todo o mal-estar causado pelo goleiro Marcos ao ir seguidas vezes ao ataque na derrota contra o Grêmio, no último domingo, à contragosto do técnico Vanderlei Luxemburgo, quinta-feira o treinador liberou o pentacampeão a ir à frente, mas com ressalvas.

"O Marcos está liberado para ir ao ataque contra o Flamengo. Mas não da maneira equivocada que fez contra o Grêmio. Se o time estiver perdendo, ele pode aparecer em uma jogada de bola parada, no final do segundo tempo, para tentar ajudar os companheiros atrapalhando a zaga do adversário", explica o treinador.

Luxemburgo lembra que são raras as vezes em que os goleiros foram à frente e a jogada se converteu em gol. "Surgiram três ou quatro gols em jogadas onde foram para o ataque. Geralmente não são bons de bola e não sabem fazer gols. Se soubessem, seriam atacantes", ironiza Luxa.

"De tudo o que aconteceu contra o Grêmio, o que os jogadores do Palmeiras notaram é a vontade que o Marcos teve de ganhar o jogo. É claro que não fez da maneira correta, mas é esse espírito de vencedor que quero de todo o elenco contra o Flamengo", concluiu o treinador.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;