Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Alunos de Sto.André criam carta-protesto


Christiano Carvalho
Especial para o Diário

27/05/2000 | 16:03


Uma carta gigante representando a distância de Sao Paulo a Brasília foi a forma criada por uma escola de Santo André para protestar contra os problemas do país. A correspondência será enviada ao Ministério da Justiça em setembro. O Projeto Educaçao em Açao, do Centro de Educaçao Integrada Cidade dos Meninos, lançado oficialmente na sexta-feira à noite na sede da instituiçao, no Parque Novo Oratório, nasceu durante as aulas de história e de ética e cidadania entre os alunos da 8ª série e do ensino médio. Mas todos os alunos do colégio estao envolvidos no projeto.

"A idéia é fazer com que o estudante coloque no papel a indignaçao que sente em relaçao à corrupçao, violência e miséria que assolam o Brasil", explicou a coordenadora de eventos da escola, Silvia Maffei.

Cada aluno escreve um carta, que vem acompanhada da assinatura do pai e simboliza 1 Km. Sao necessárias 1.015 correspondências para completar a distância até a capital federal. No entanto, a escola já conseguiu 2 mil cartas e espera arrecadar correspondências de outras escolas da regiao e do Estado.

O movimento nao vai se restringir a Sao Paulo. "O objetivo é divulgar a campanha para todo o país por meio da mídia e da mobilizaçao de órgaos públicos e privados", disse a professora Silvia Carla Conceiçao, uma das organizadoras do projeto. Segundo ela, todos os Estados deverao enviar a Brasília suas cartas de repúdio ao descaso dos governantes brasileiros com a populaçao, com as distâncias simbólicas respectivas a partir de suas capitais.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Alunos de Sto.André criam carta-protesto

Christiano Carvalho
Especial para o Diário

27/05/2000 | 16:03


Uma carta gigante representando a distância de Sao Paulo a Brasília foi a forma criada por uma escola de Santo André para protestar contra os problemas do país. A correspondência será enviada ao Ministério da Justiça em setembro. O Projeto Educaçao em Açao, do Centro de Educaçao Integrada Cidade dos Meninos, lançado oficialmente na sexta-feira à noite na sede da instituiçao, no Parque Novo Oratório, nasceu durante as aulas de história e de ética e cidadania entre os alunos da 8ª série e do ensino médio. Mas todos os alunos do colégio estao envolvidos no projeto.

"A idéia é fazer com que o estudante coloque no papel a indignaçao que sente em relaçao à corrupçao, violência e miséria que assolam o Brasil", explicou a coordenadora de eventos da escola, Silvia Maffei.

Cada aluno escreve um carta, que vem acompanhada da assinatura do pai e simboliza 1 Km. Sao necessárias 1.015 correspondências para completar a distância até a capital federal. No entanto, a escola já conseguiu 2 mil cartas e espera arrecadar correspondências de outras escolas da regiao e do Estado.

O movimento nao vai se restringir a Sao Paulo. "O objetivo é divulgar a campanha para todo o país por meio da mídia e da mobilizaçao de órgaos públicos e privados", disse a professora Silvia Carla Conceiçao, uma das organizadoras do projeto. Segundo ela, todos os Estados deverao enviar a Brasília suas cartas de repúdio ao descaso dos governantes brasileiros com a populaçao, com as distâncias simbólicas respectivas a partir de suas capitais.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;