Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 30 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ministro russo reitera aceitaçao do plano de paz


Do Diário do Grande ABC

01/06/1999 | 08:27


O ministro das Relaçoes Exteriores da Iugoslávia, Zivadin Jovanovic, enviou uma carta a seu colega alemao reiterando a aceitaçao, por parte de seu governo, do plano de paz para Kosovo, estabelecido por sete naçoes do Ocidente e a Rússia.

Em sua carta a Joschka Fischer, Jovanovic afirmou que a Iugoslávia ''aceita os princípios do Grupo dos Oito, incluindo a presença de tropas das Naçoes Unidas, após uma resoluçao do Conselho de Segurança``, informou a agência de notícias independente Beta.

Jovanovic disse que, para se chegar a isso, os bombardeios da Organizaçao do Tratado do Atlântico Norte devem cessar. A Otan, contudo, já se posicionou que continuará os bombardeios até que as forças de segurança iugoslavas se retirem de Kosovo e permitam o retorno a suas casas de mais de 700.000 refugiados de origem albanesa.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ministro russo reitera aceitaçao do plano de paz

Do Diário do Grande ABC

01/06/1999 | 08:27


O ministro das Relaçoes Exteriores da Iugoslávia, Zivadin Jovanovic, enviou uma carta a seu colega alemao reiterando a aceitaçao, por parte de seu governo, do plano de paz para Kosovo, estabelecido por sete naçoes do Ocidente e a Rússia.

Em sua carta a Joschka Fischer, Jovanovic afirmou que a Iugoslávia ''aceita os princípios do Grupo dos Oito, incluindo a presença de tropas das Naçoes Unidas, após uma resoluçao do Conselho de Segurança``, informou a agência de notícias independente Beta.

Jovanovic disse que, para se chegar a isso, os bombardeios da Organizaçao do Tratado do Atlântico Norte devem cessar. A Otan, contudo, já se posicionou que continuará os bombardeios até que as forças de segurança iugoslavas se retirem de Kosovo e permitam o retorno a suas casas de mais de 700.000 refugiados de origem albanesa.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;