Publicado em sexta-feira, 18 de novembro de 2011 às 10:04

Em 26 anos, 135 milhões de PCs foram vendidos


Alexandre Melo
Enviado a Mata de São João (BA)

Incorporar notícia

Nos últimos 26 anos, foram vendidos 135 milhões de computadores pessoais nos países latino-americanos. Segundo o diretor-presidente da Intel para a América Latina, Steve Long, para os próximos quatro anos a expectativa é dobrar este número para 270 milhões.

"Na América Latina, o Brasil é o nosso principal mercado, representando 40% das vendas na região. Nossa principal demanda será em relação a dispositivos para educação, primeiro computador e entrada no segmento de tablets e smartphones", afirmou.

A maior fabricante de computadores do mundo realiza até amanhã o Intel Editor's Day, evento anual que apresenta as perspectivas da companhia para o mercado brasileiro. Long ressaltou que apenas no País, a classe média representa massa de 100 milhões de pessoas ávidas para adquirir seu primeiro PC.

Para o executivo, apesar da crise internacional, os brasileiros seguem com poder de consumo. Os indicadores macroeconômicos como menor índice de desemprego da história, taxa de juros estabilizada e facilidade para parcelamento são alguns dos fatores que vão impulsionar as vendas.

* O jornalista viajou a convite da Intel Brasil



Veja Também

Tags

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Revista Playboy Revista Sexy Palmeiras Corinthians São Paulo Santos Santo André São Bernardo São Caetano Diadema Ribeirão Pires Mauá Rio Grande da Serra Grande ABC Ronan Maria Pinto

Action 'Detalhe :: Index', Execute: 0,032s, Render: 0,032s.