Fechar
Publicidade

Automóveis

Publicado em quarta-feira, 13 de junho de 2012 às 07:00 Histórico

Carro blindado exige cuidado extra ao volante

Os números de carros blindados no Brasil não param de crescer. De acordo com a última pesquisa da Abrablin (Associação Brasileira de Blindagem), 8.106 automóveis receberam proteção extra em 2011, índice 10,55% superior em comparação ao ano anterior. Esta evolução acelerada, no entanto, levanta uma importante questão: os motoristas que aderem aos blindados estão conscientes da necessidade de um novo comportamento ao volante?

Segundo César Urnhani, piloto profissional e instrutor do BMW Drive Training, os cuidados ao volante de um veículo deste tipo devem ser "triplicados". "Não adianta fazer um investimento em proteção, se quem é mais importante, no caso o motorista, não estiver totalmente preparado para utilizá-lo da maneira mais eficaz", alerta Urnhani. "Achar que só a blindagem resolverá os problemas de segurança é um grave erro", completa.

Para evitar ao máximo a abordagem de criminosos no trânsito, especialmente nos semáforos, onde ocorre boa parte dos crimes, a dica é sempre manter distância do veículo à frente, trafegar sempre com as portas travadas e em hipótese alguma baixar os vidros, mesmo que poucos centímetros. "O veículo blindado suporta disparos de arma de fogo, desde que não agrupados. Por tanto, é necessários manter o veículo sempre em movimento para não reunir os disparos", detalha o instrutor, que aconselha também controlar a velocidade ao ver um semáforo fechado, evitando ficar muito tempo parado.

É essencial também que os motoristas procurarem cursos especializados em direção defensiva, como o módulo Protection do BMW Drive Training, oferecido pela marca alemã por R$ 2.700. Estar preparado para tomar as decisões corretas, no menor tempo possível e de maneira segura são algumas das funções destes programas. "Vivenciar situações de crise em um ambiente controlado é a melhor forma de aprender a utilizar os recursos que o veículo oferece", diz Urnhani.

AO VOLANTE

Dirigir um carro blindado não se limita a estar atento aos acontecimentos externos. Durante a condução, é necessário estar consciente de que o comportamento do veículo é completamente diferente em virtude do peso extra de proteção que carrega.

"O veículo blindado deve estar com os controles de estabilidade e tração sempre acionados. No cotidiano, conduzir de forma progressiva é fundamental para poupar pneus e freios. Não subir em calçadas ou passar em lombadas de lado evitam torcer o veículo e delaminar os vidros blindados. A calibragem dos pneus deve ser a recomendada para veículo carregado, independente de o motorista trafegar sozinho no carro", enumera o especialista.



Veja Também

Tags


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diário do Grande ABC