Fechar
Publicidade

Economia

Publicado em sexta-feira, 23 de março de 2012 às 16:46 Histórico

Bridgestone realiza leilão de mais de 26 mil pneus

Na terça-feira, dia 27, a Bridgestone produtora mundial de pneus, irá leiloar mais de 26 mil pneus. São mais de 160 lotes localizados em Mauá (SP) e Camaçari (BA). Cada lote inclui entre 90 e 180 pneus da fabricante Bridgestone/Firestone aros 13 a 19. Os pneus são novos, estão dentro do prazo de validade e possuem garantia de fabricação.

O encerramento será na própria terça, a partir das 14h. A utilização da internet no processo proporciona que interessados possam participar de imediato, oferecendo os lances através do site da Superbid (www.superbid.net).

Como Participar

As fotos e descrições completas dos ativos estão disponíveis no site www.superbid.net Para ofertar lances, é necessário se cadastrar e solicitar habilitação - todo o processo pode ser online. Quem quiser ir ao pregão presencial, deverá se dirigir na data e hora do encerramento à Alameda Lorena, 800, na Capital. Os interessados em visitar os ativos antes do leilão devem entrar em contato com a Central de Atendimento da Superbid, pelo telefone 2163-7800 ou via e-mail: cac@superbid.net

Superbid

A Superbid é especializada na gestão da venda de ativos através de leilão eletrônico e presencial simultâneo. Os serviços oferecidos pela empresa vão desde a avaliação dos bens, identificação do mercado comprador, gestão da venda e a liquidação financeira. É líder em seu segmento, com escritórios no Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e Estados Unidos. Possui entre seus clientes empresas nacionais e multinacionais como Vale, Grupo Votorantim, Walmart, Klabin, Volkswagen, Rhodia, Embraer, Braskem, Louis Dreyfus, White Martins, Schincariol e Duratex entre outras.



Veja Também

Tags


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diário do Grande ABC