Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Utilização do Pavilhão é barrada e show fica para abril

Denis Maciel/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Apresentações de Gal Costa e Djavan, que
aconteceriam hoje no Vera Cruz, foram remarcadas


Vanessa Soares

17/02/2017 | 07:01


O show de Gal Costa e Djavan, que seria realizado hoje no Pavilhão Vera Cruz, em São Bernardo, foi adiado para o dia 1º de abril após a Prefeitura indeferir o alvará de funcionamento do espaço. O novo local ainda não foi definido.

De acordo com nota divulgada na tarde de ontem, o documento não foi liberado por “descumprimento das exigências legais, em especial à lei 5648/2007”, que prevê que para realização de qualquer evento no município é necessário obter deliberação prévia da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo e a expedição do alvará de funcionamento de eventos pela Secretaria de Obras. Além disso, a Prefeitura afirma que entre as falhas no processo de liberação está a falta de certidão negativa de débitos do espaço e o atestado de estabilidade do palco antes mesmo de ele estar pronto.

A Prefeitura informa ainda que por diversas vezes notificou a Telem SA, responsável pelo espaço após vencer processo de concessão por 30 anos, por “não cumprir com as obrigações contratuais, o que impede sua atuação regular na cessão do espaço”. E continua: “A administração enfatiza que o contrato de concessão de Complexo Vera Cruz é alvo de análise dos setores técnicos e jurídicos do município, diante de vários indícios de irregularidade no cumprimento de obrigações assumidas pela empresa licitada, em especial em relação aos investimentos prometidos no local”.

Por sua vez, a Up Eventos, produtora do show, informou por meio de nota que toda documentação solicitada que era de sua responsabilidade foi entregue aos órgãos competentes. No entanto, a Telem “não apresentou os documentos exigidos pelo Corpo de Bombeiros, impossibilitanto assim a realização do evento”. Diante do impasse, a Up declarou por meio de seu advogado, Luiz Ribeiro, que a partir de segunda-feira conversará com a Telem sobre o ressarcimento do valor pago pela locação do espaço e, se necessário, tomará as medidas judiciais cabíveis.

Em sua defesa a Telem afirma que “forneceu à Up todos os documentos solicitados, liberando o local para receber eventos, dando continuidade à realização deste tipo de atividade que sempre ocorreu no local”.

ENTRADAS
De acordo com a Up, os ingressos vendidos para hoje valerão normalmente no novo dia e local, uma vez que a divisão das plateias deverá se manter igual ao que foi planejado para o Vera Cruz. Quem ainda assim se sentir lesado, o valor integral das entradas será ressarcido aos consumidores, que devem fazer a solicitação pelo e-mail cancelamento@upeventosabc.com.br ou pelo telefone (11) 4318-3372.

A Up esclarece ainda que outros três shows estavam marcados no Pavilhão: Maria Gadú e Ana Carolina, Luan Santana e Planet Hemp e Raimundos. Estes shows serão mantidos nas datas iniciais, mas também serão transferidos de local.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados