Fechar
Publicidade

Sábado, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Neymar fez acordo com Luis Enrique para vir ao Brasil, diz jornal

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


08/03/2016 | 09:50


O atacante Neymar fez um pacto com o treinador Luis Enrique e com os líderes do Barcelona para vir ao Brasil participar da festa de aniversário da irmã realizada na noite desta segunda-feira. A informação é do jornal espanhol "Sport" que traz na capa a manchete "Quinta-feira quero você aqui" ao lado de uma foto com Luis Enrique e Neymar.

O atacante não participou da vitória por 4 a 0 sobre o Eibar no último final de semana para cumprir suspensão após receber o quinto cartão amarelo. Como a equipe não teria compromissos no meio desta semana, o jogador solicitou liberação para viajar ao Brasil e se reapresentar na quinta-feira. O Barcelona enfrenta o Getafe no sábado.

De acordo com o jornal espanhol, Neymar conversou primeiro como treinador que, por sua vez, pediu que conversasse com os líderes do elenco: Iniesta, Messi, Bsquets e Mascherano. Ninguém colocou empecilhos para que ele viajasse. Na última temporada, o atacante havia feito o mesmo pedido. De acordo com o jornal, o seu quinto cartão amarelo foi tomado após uma discussão com um defensor do Rayo Vallecano com o placar em 5 a 1.

Neymar chegou ao Brasil no fim de semana. No domingo, esteve com os amigos na mansão da família no Guarujá. Nesta segunda, fez uma nova tatuagem - !Que Deus me abençoe" no braço - e, à tarde, visitou o instituto que leva seu nome, na Praia Grande. Lá, ele se encontrou com Lais Sousa, ex-ginasta que sofreu acidente de esqui e tenta recuperar os movimentos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.