Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Diretor da Bovespa afirma que a ‘hora é agora’



27/03/2008 | 07:03


As circunstâncias para a integração da Bovespa Holding e da BM&F são adequadas, na visão de Gilberto Mifano, diretor-geral da Bovespa. “O momento é este. Tudo que está acontecendo no mercado brasileiro mostra que agora é hora de fazer”, declarou.

Ele citou os avanços regulatórios recentes introduzidos no País pelo Banco Central e pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e os avanços de auto-regulação que ambas as empresas têm levado adiante, além do fato de que as duas casas já serem listadas em Bolsa.

Mifano elogiou a situação macroeconômica do País no momento de integração das duas Bolsas, destacando o ritmo de crescimento do PIB, a política de redução de inflação e a taxa de juros declinante, aproveitando para enfatizar seu pedido de que os juros “continuem nesta trajetória”. “Taxas de juros mais baixas e condições macroeconômicas favoráveis contribuem para impulsionar o desenvolvimento dos mercados no Brasil”, enfatizaram as duas Bolsas na apresentação para investidores.

A ‘Nova Bolsa’, nome provisório para a união das duas instituições, será a décima maior companhia listada em Bolsa no País, com cerca de US$ 20 bilhões de valor de mercado, de acordo com os dados de fechamento de anteontem. Mifano destacou que a consolidação levará à criação de um “player dominante no setor” e afirmou que a nova companhia visa “ser o consolidador da América Latina”.

De acordo com apresentação das duas instituições para investidores, uma simulação da combinação do desempenho das duas Bolsas indica que a nova companhia teria registrado no ano passado uma receita de R$ 1,358 bilhão e lucro líquido de R$ 771,8 milhões. Já o Ebitda (lucro antes do pagamento de juros, impostos, depreciação e amortização) teria sido de R$ 848,2 milhões.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;