Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Eleição italiana é negativo para o crédito, diz Moody's



27/02/2013 | 02:39


A agência de classificação de risco Moody's informou hoje que o resultado inconclusivo das eleições parlamentares da Itália tem implicações negativas para o rating de crédito do país europeu, assim como para outras nações mais fracas da zona do euro, e aumenta o risco de reacender a crise da dívida na região.

Em um relatório, a Moody's disse que a avaliação do resultado eleitoral aumentou o risco de que as reformas estruturais na terceira maior economia da zona do euro possam parar ou chegar a uma paralisação completa. A agência também observou que o forte apoio eleitoral aos partidos contrários ao euro reduziu a probabilidade de que novas eleições possam resolver a situação.

A Moody's ainda destacou os riscos para os demais países da zona do euro: "A importância sistêmica da Itália para a zona do euro significa que as eleições desta semana têm implicações muito além da própria Itália e são, indiretamente, negativo para o crédito por pressionar outros soberanos da zona do euro".

A agência espera que ocorra uma "perda de confiança dos investidores e a execução de títulos italianos terá um efeito sobre os custos de empréstimos de soberanos mais fracos da zona do euro, como Portugal e Espanha, o que potencialmente poderá reacender a crise da dívida da zona do euro".

Em julho de 2012, a Moody's classificou a Itália com o rating Baa2, com perspectiva negativa. As informações são da Dow Jones.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;