Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Natalini visita Acisa e anota sugestões

Entidade deseja que pré-candidato do PV inclua mudanças na cobrança do ICMS em seu plano de governo


Cynthia Tavares
Do Diário do Grande ABC

25/03/2014 | 07:00


Pré-candidato ao Palácio dos Bandeirantes pelo PV, Gilberto Natalini visitou a Acisa (Associação Comercial Industrial de Santo André) ontem pela manhã acompanhado de vereadores da cidade. A reunião ocorreu para que o postulante ao governo do Estado ouvisse demandas do empresariado andreense.

Evenson Dotto, presidente da entidade, aproveitou o encontro para solicitar que o verde inclua em seu plano de governo a desburocratização da cobrança do ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços). “Vamos montar sugestão de facilitar a cobrança do imposto estadual. Atualmente são muitas alíquotas”, sustentou.

Natalini declarou que analisará a proposta para colocar a sugestão no seu programa de governo, que será apresentado durante a campanha eleitoral. “Quero incluir o desenvolvimento sustentável. Somos a favor do lucro, do emprego, mas não a qualquer custo. Esse diálogo é que a gente tem de ter”, defendeu.

Evenson reiterou que o empresário sofre com a burocratização na cobrança do imposto, pois são muitas taxas vigentes. “Existem muitas alíquotas. A nossa ideia é fazer isso de uma forma melhor. Queremos enviar nossa proposta rapidamente”, declarou o presidente da Acisa. Ele reiterou que a associação está de portas abertas para receber outros pré-candidatos ao governo estadual. A vice-prefeita de Santo André e secretária de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Oswana Fameli (PRP), também esteve no encontro.

A desburocratização da cobrança é, inclusive, um dos principais pontos colocados na reforma tributária pleiteada há décadas no Brasil. Há três anos o Congresso tenta votar mudanças no ICMS, mas o debate foi interrompido por conta da eleição para presidente e governador, marcada para outubro.

O ICMS é a cobrança feita pelo transporte de bens e serviços no Estado. Portanto, cada unidade da federação possui regras próprias de cobrança do imposto sempre respeitando o que está previsto na Lei Complementar 87/1996, conhecida como Lei Kandir.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;