Política Titulo Em Santo André
Martinha retorna ao PT após 26 anos fora do partido

Filiação foi assinada pelo ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, na sede do sindicato

Por Artur Rodrigues
Do Diário do Grande ABC
02/12/2023 | 07:00
Compartilhar notícia
Reprodução/Instagram


O vice-presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André e Mauá, Cícero Martinha, acertou sua volta ao PT após 26 anos. A cerimônia que concretizou o retorno do sindicalista à legenda foi realizada na sede da entidade, ontem à noite, e contou com as presenças do ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho; do prefeito de Mauá, Marcelo Oliveira; do deputado estadual Rômulo Fernandes; da pré-candidata à Prefeitura andreense pela sigla, Bete Siraque; entre outras lideranças do partido na região.

“Estamos retornando para recuperar a nossa querida Santo André. Vamos conversar com a população, principalmente com aqueles que mais necessitam do poder público. Vamos trazer os jovens para a política, precisamos de uma juventude politizada e humanizada. Vamos às ruas levar política pública de verdade para a nossa população”, declarou Martinha. 

A filiação do sindicalista foi assinada por Luiz Marinho, junto do presidente do PT de Santo André, Antônio Padre. O presidente do sindicato, Adilson Torres dos Santos, o Sapão, também se filiou ao partido. 

“Nós participamos de um time que tem projeto e pensa num País a partir da necessidade do nosso povo, olhando especialmente para a classe trabalhadora. Somos um País rico, mas com muitas desigualdades. Nossas políticas públicas precisam fazer a diferença na vida das pessoas. E temos certeza que a volta do Martinha vai ajudar a trazer esse projeto para Santo André”, comentou o ministro do Trabalho. 

Martinha foi um dos fundadores do PT, no início da década de 1980, onde militou até 1997 – deixou o partido devido à crise entre sindicalistas.Na ocasião, ingressou no PSB, na mesma época em que a ex-prefeita da Capital e hoje deputada federal Luiza Erundina também trocava o PT pela sigla socialista.

Mesmo fora da sigla, Martinha sempre se mostrou aliado ao PT. Em 2008, por exemplo, ele foi candidato a vice de Vanderlei Siraque (PT) à Prefeitura andreense.

De volta ao partido, ele evitou falar em candidatura para a eleição do ano que vem. 

“Minha volta ao PT não é por interesse pessoal e sim por um bem maior. Nosso objetivo é mostrar para a população de Santo André que a Bete (Siraque) será a melhor prefeita da história dessa cidade”, comentou Martinha. 




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;