Cena Política Titulo Cena Política
Título a Bolsonaro move São Bernardo
Por Da Redação
Do Diário do Grande ABC
30/11/2023 | 07:00
Compartilhar notícia
Seri/DGABC


Está marcada para hoje a entrega do título de cidadão são-bernardense ao ex-presidente da República Jair Bolsonaro (PL) e a seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL). A solenidade está agendada para as 19h, na Câmara, e será liderada pelo vereador bolsonarista Paulo Chuchu (PRTB), autor do projeto de lei que concedeu as honrarias. O clima é de apreensão, mesmo sem a confirmação da presença de Jair Bolsonaro – Chuchu diz que somente Eduardo avisou que estará no Legislativo de São Bernardo para receber a condecoração. Apreensão porque movimentos de esquerda já avisaram que haverá protestos pela presença da família Bolsonaro. Pelo outro lado, grupos de direita também pretendem lotar o plenário para exaltar o clã Bolsonaro. A segurança será reforçada, inclusive com suporte da Polícia Militar.

Outro título

Enquanto em São Bernardo o bolsonarismo será exaltado com entrega de títulos de cidadão para o ex-presidente da República Jair Bolsonaro (PL) e o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL), em Mauá, dois quadros do PSB, aliado de primeira hora do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), recebem títulos de cidadão mauaense – curiosamente no mesmo dia e na mesma hora da família Bolsonaro. O deputado estadual Caio França (PSB), filho do ministro Márcio França (PSB), das Micro e Pequenas Empresas, e o ex-prefeito de Campinas Jonas Donizetti serão agraciados com a honraria em Mauá.

Atirando para todos os lados

Alvo do Ministério Público Federal, a secretária de Comunicação de São Bernardo, Thais Santiago, apresentou na tarde de terça-feira, a jornais aliados do governo do prefeito Orlando Morando (PSDB), o guia turístico e gastronômico do município, como aposta principal da gestão para potencializar e fomentar a economia na cidade. Na tentativa de dar respostas ao MPF, Thais pediu apoio ao projeto até mesmo de pessoas que ela vive criticando nos bastidores e pelas costas.

Pressionada

Vale lembrar: o MPF recomendou a cassação de Orlando Morando sob alegação de que ele teria montado, utilizando dinheiro público, uma rede estruturada de notícias em benefício próprio – tudo dentro da Secretaria de Comunicação, liderada por Thais Santiago. O parecer do Ministério Público Federal está dentro de processo eleitoral movido pelo hoje ministro do Trabalho, Luiz Marinho (PT).

Pitonisa

O vereador Reinaldo Meira (SD), de Diadema, foi o assunto da semana na Câmara. Tudo porque, na quinta-feira passada, ele subiu na tribuna com a camisa do Corinthians e dizendo que apoiava a candidatura de Augusto Melo como presidente do clube. Até então, o que se comentava era que o favorito ao pleito era André Negão, aliado do ex-presidente Andrés Sanchez. A vitória de Melo pegou muita gente de surpresa e fez com que Meira fosse tratado como pitonisa na Casa.

Mandato relâmpago – 1

Denis Caporal (PL) ficou 30 dias como vereador de Mauá e, nesta semana, fez um balanço de seu curto mandato de vereador interino – estava na vaga de Wiverson Santana (PL). Ele contabilizou 47 requerimentos, quatro projetos de lei, cinco moções, 41 ofícios e três indicações. “O trabalho continua, seguirei nas ruas, semáforos, dialogando com a população, ouvindo as demandas e levando às secretarias responsáveis.”

Mandato relâmpago – 2

Fato é que Caporal conseguiu, em um curto espaço de tempo, tumultuar o ambiente no PL de Mauá. Conseguiu expor uma reunião liderada pelos vereadores Sargento Simões (PL) e Zé Carlos Nova Era (PL) a respeito da votação das contas do ex-prefeito e hoje deputado estadual Atila Jacomussi (SD), encontro esse que jogou por terra as esperanças de Atila em ser absolvido pela Câmara.




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;