Social Titulo Medalhas
Alunas de colégio andreense ganham Olimpíada Brasileira de Robótica

A equipe, formada por quatro alunas do 8° ano do Ensino Fundamental do Colégio Stocco, ganhou, no último final de semana, medalha de ouro na principal olimpíada de robótica do Brasil, a OBR; projeto quer engajar alunos de colégios públicos para que se envolvam com a ciência e já alcançou mais de 120 estudantes

Por Coluna Social
30/10/2023 | 10:17
Compartilhar notícia
Divulgação


Uma equipe de alunas do Colégio Stocco, em Santo André, ganhou medalha de ouro na etapa nacional da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR). O prêmio foi anunciado na última quinta-feira, dia 12 de outubro. A equipe, formada por quatro alunas do 8° ano do Ensino Fundamental 2, é a única da região do Estado de São Paulo que participou da última fase da competição, em Salvador, na Bahia. As autoras do projeto são: Gabriela Zangrando Miranda; Livia Tomageski Zuim; Rafaela Yumi Gonçalves Godoy, de 13 anos, e Tarsila Schultheis Trevisan Assolini, de 14.

A equipe do Stocco - Stocco Girls Robot - havia ganhado prata na edição da OBR de 2022, em São Paulo, após iniciar este projeto de pesquisa em robótica para promover a interação da comunidade escolar com a ciência. No projeto, elas criaram um robô que anda sobre uma linha no solo, que foi colocado em prática pela primeira vez na festa junina de 2022 do colégio. Os convidados tinham que acertar em qual casa o robô iria parar dentro do espaço criado para o trajeto, com várias opções de destino.

Neste ano de 2023, elas iniciaram em fevereiro, o projeto Carrossel da Robótica, com o qual ganharam o prêmio e pontuação máxima da feira. A proposta do carrossel é provocar a interação e a troca de experiência entre as equipes dos diferentes colégios, expandindo a atuação. As jovens capacitadas de cada escola parceira capacitaram as equipes de suas escolas.

O objetivo final é a construção de robôs seguidores de linha mas, além disso, para a conquista do prêmio, foi fundamental a parte do projeto voltada à multiplicação do conhecimento: a capacitação de mais estudantes na área da robótica, com conceitos básicos de prototipagem e programação.

Assim, foram trabalhados projetos como: semáforo; sensores de luz e garra robótica. Cada um desses tópicos foi abordado em um dos colégios que depois demonstrou aoutros colégios, via chamadas online, como trabalhar os outros conceitos.

 

As escolas envolvidas nesta etapa do projeto foram: das Escolas Estaduais: Américo Brasiliense; Senador João Galeão Carvalhal e da EE Herique de Souza Filho Henfiel, envolvendo cerca de 120 estudantes.

O carrossel de conhecimento se deu da seguinte forma:

  •  StoccoGirls ensina EE Galeão - Atividade Semáforo. Em seguida, EE Galeão passa seu conhecimento da mesma atividade a alunos da EE Américo e Heinfil
  • StoccoGirls ensina EE Américo - Sensor LDR >>> EE Américo ensina Galeão e Heinfil
  •  StoccoGirls ensina Heinfil - Garra robótica >>> Heinfil ensina EE Américo e Galeão e Heinfil

 

Com essa oportunidade, a equipe aproveitou para explicar conceitos básicos e a importância dos robôs seguidores de linhas, que são bastante utilizados na indústria, e também em áreas de distribuição dos aeroportos. Os seguidores de linha ou follow-line são uma categoria de robôs autônomos que por meio da junção de motores e sensores conseguem percorrer um trajeto. Tudo foi registrado em vídeo e inscrito na OBR na categoria Apresentação - Responsabilidade Social e Divulgação Científica. Confira neste vídeo feito pelo grupo.

 

A conquista do projeto veio em consequência de um importante feedback dos avaliadores das primeiras seletivas, que orientaram as meninas a continuar com a divulgação científica e expandir o projeto, por meio de uma oficina de robótica para outras alunas. Isso elevou o projeto a um importante patamar: as alunas atuaram fora dos muros do Colégio Stocco. Assim, em 2022 elas fizeram parceria com a Escola Estadual Senador João Galeão Carvalhal para realização de quatro encontros com alunas do 6° ano da escola pública. Nas oficinas, todas puderam conhecer as partes do robô, ligações elétricas necessárias, testes de conexão e até mesmo produzir novos. Já em 2023, elas envolveram ainda mais alunos: 

Uma conta no instagram, @stocco.girlsrobots, também foi criada e a equipe posta conteúdos relacionados à robótica semanalmente. 

 




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mais Lidas

;