Fechar
Publicidade

Domingo, 14 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Santo André aprova drones em proteção ambiental e a animais

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Projeto da vereadora Ana Veterinária recebe o aval da Câmara e agora depende da sanção do prefeito Paulo Serra para ser colocado em prática


Do Diário do Grande ABC

02/07/2022 | 08:26


A Câmara de Santo André aprovou projeto de lei que autoriza o município a implantar e operacionalizar drones para apoio em fiscalização ambiental e atribuição de penalidades. Enviada para sanção do prefeito Paulo Serra (PSDB), a proposta, de autoria da vereadora Dra. Ana Veterinária (União Brasil), prevê também ações de fiscalização e punição a maus-tratos, abandono e comercialização ilegal de animais domésticos e silvestres.


“É crescente o número de infrações de descarte irregular de resíduos sólidos e dano ambiental com destruição de espécies vegetais ou animais. Visando o auxílio aos departamentos municipais competentes no combate às infrações ambientais, esse projeto tem o intuito de criar condições e estrutura operacional para que agentes credenciados ou conveniados possam ter cada vez mais sucesso em suas atividades rotineiras de fiscalização e punição de crimes ambientais”, justifica a vereadora.


O texto também prevê a fiscalização e punição contra maus-tratos, abandono e comercialização ilegal de animais domésticos e silvestres. “Muitos desses animais vivem, com seus tutores, em locais de difícil acesso, áreas periféricas, ou até mesmo são utilizados como cães de guarda em empresas e áreas comerciais em desuso, sem a presença de humanos. Tem-se percebido, também, um aumento nos casos de abandono e de maus-tratos a animais domésticos, como é crescente o número de denúncias de venda de animais silvestres, sabidamente crime contra o meio ambiente”, explica a vereadora.


Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 92% dos entrevistados em pesquisa realizada em 2019 afirmam já ter presenciado maus-tratos a animais. Entre os principais atos, o levantamento destacou animais passando fome (50%) ou sede (42%) e sendo agredidos (38%). No entanto, apenas 17% das pessoas disseram ter feito alguma denúncia.


COMBATE À DENGUE
Também de autoria da vereadora Dra. Ana Veterinária, em março foi sancionado o projeto de lei que dispõe sobre a utilização de drones no combate ao Aedes aegypti, auxiliando na localização de possíveis criadouros do mosquito transmissor em locais onde os agentes não conseguem ter acesso. A lei municipal é mais um instrumento no combate à doença, pois, segundo dados oficiais da Prefeitura de Santo André, os casos de dengue, zika e chikungunya aumentaram 175% no primeiro trimestre de 2022.


A ideia de fiscalizar possíveis criadouros do mosquito com o uso de drone em Santo André tem o objetivo de aumentar a área de cobertura, de acordo com a idealizadora do projeto. “Sabemos que a Prefeitura tem mapeadas as regiões mais críticas e realiza ações periódicas de combate e conscientização, mas os números mostram que é preciso mais. A tecnologia é parceira nessa hora e tenho certeza que a utilização de drones como ferramenta aliada dos agentes irá trazer enormes benefícios à população”, disse Ana Veterinária, à época da aprovação da matéria pela Câmara do município.
 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;