Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Bolsas da Ásia fecham na maioria em baixa; Xangai sobe com possíveis estímulos



26/05/2022 | 07:10


As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam majoritariamente em baixa nesta quinta-feira, 26, após o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) confirmar ontem planos de seguir elevando juros em ritmo acelerado, mas possíveis estímulos adicionais continuaram sustentando os mercados chineses.

O índice acionário japonês Nikkei caiu 0,27% em Tóquio hoje, a 26.604,84 pontos, enquanto o Hang Seng também recuou 0,27% em Hong Kong, a 20.116,20 pontos, o sul-coreano Kospi perdeu 0,18% em Seul, a 2.612,45 pontos - após o Banco da Coreia (BoK) anunciar nova alta de juros -, e o Taiex cedeu 0,84% em Taiwan, a 15.968,83 pontos.

Em ata de política monetária divulgada ontem, o Fed deixou claro que pretende seguir aumentando juros de forma rápida para conter a ameaça da inflação, reforçando apostas de que mais altas de 50 pontos-base virão nas reuniões de junho e julho.

Já na China continental, as bolsas ampliaram hoje ganhos do pregão anterior, ainda impulsionadas por esperanças de que Pequim tome novas medidas de estímulos para superar a desaceleração causada pela onda de covid-19 mais grave do país. O Xangai Composto subiu 0,50%, a 3.123,11 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto teve alta similar, de 0,53%, a 1.955,13 pontos.

Em reunião de governo, o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, ressaltou ontem que as autoridades devem trabalhar para "estabilizar" a atividade com o objetivo de assegurar um "crescimento razoável" no segundo trimestre e reduzir a taxa de desemprego.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou no vermelho, com queda de 0,69% do S&P/ASX 200 em Sydney, a 7.105,90 pontos. Com informações da Dow Jones Newswires.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;