Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com 2 de Gilberto, Bahia derrota Fluminense e segue vivo na luta contra descenso



05/12/2021 | 18:23


Com dois gols do atacante Gilberto, o Bahia venceu o Fluminense por 2 a 0, neste domingo, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 37.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Desta vez os baianos não vacilaram, dominaram o jogo e buscaram a vitória diante de um adversário desinteressado. Mesmo se reabilitando de derrotas para Atlético Goianiense e Atlético-MG, soma 43 pontos e segue ameaçado pelo rebaixamento ao lado de Juventude e Cuiabá, ambos com a mesma pontuação. O apático Fluminense continua com 51, mas ainda de olho em uma vaga na Copa Libertadores de 2002.

Na última rodada, o Bahia vai enfrentar o Fortaleza, na Arena Castelão, enquanto o Fluminense vai receber a lanterna e já rebaixada Chapecoense. Ambos precisam vencer e torcer contra alguns concorrentes para atingirem seus objetivos.

O jogo começou em ritmo alucinante. O Fluminense teve a chance de abrir o placar logo no primeiro minuto. Após a cobrança da falta em direção à pequena área, a defesa parou pedindo impedimento e Caio Paulista ajeitou para Fred, que chutou desequilibrado para fora. Dois minutos depois, Gilberto bateu de voleio e mandou para fora, mas levantando a torcida nas arquibancadas.

Depois disso, o Bahia dominou as ações em campo, mostrando muita disposição diante de um Fluminense apático, sem reação. Aos nove minutos, o Bahia reclamou de um pênalti quando a bola ajeitada por Gilberto bateu no braço de Caio Paulista. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira mandou o lance seguir e o VAR não se manifestou.

Mas foi num pênalti que o Bahia abriu o placar. Aos 35 minutos, Luccas Claro colocou a mão na bola dentro da área. Gilberto cobrou no canto direito de Marcos Felipe e fez 1 a 0. Apoiado pela torcida, os baianos não tiraram o pé e aos 46 saiu o segundo gol. Luccas Claro, no meio de campo, tentou dominar de peito, mas a sobra ficou com Edson que rapidamente lançou Gilberto em velocidade contra os defensores. Ao perceber o goleiro adiantado, Gilberto tocou por cobertura e fez um belo gol que valeu comemoração com cambalhota. Agora ele tem 15 gols, na vice-artilharia do Brasileirão, só atrás de Hulk, do Atlético-MG, com 19.

No retorno para o segundo tempo, o Fluminense voltou modificado. Martinelli e Cazares entraram, respectivamente, nos lugares de André e Caio Paulista. Aos sete minutos quase que Danilo Fernandes levou um frango ao não encaixar chute fraco de Fred. A bola escapou de suas mãos, tocou na trave e acabou aliviada pela defesa.

Mas o Bahia continuava ligado e ameaçou num chute forte de Juninho Capixaba que foi rebatido por Marcos Felipe aos 17 minutos. Três minutos depois, Manoel, zagueiro carioca, e Rossi, atacante baiano, se enfrentaram no empurra-empurra e ambos foram expulsos.

Sem poder de criação e sem força ofensiva, o Fluminense acabou se tornando presa fácil para o Bahia, que apenas passou a administrar a vantagem no placar. Só nos acréscimos, aos 47 minutos, é que Renan Guedes, sozinho na área, chutou para fora numa chance clara para marcar o terceiro gol do Bahia.

FICHA TÉCNICA

BAHIA 2 x 0 FLUMINENSE

BAHIA - Danilo Fernandes; Nino Paraíba, Conti,Luiz Otávio e Matheus Bahia (Renan Guedes); Patrick de Luca e Edson (Raniele); Rossi, Rodriguinho (Juninho Capixaba) e Raí Nascimento (Ronaldo); Gilberto (Rodalega). Técnico: Guto Ferreira.

FLUMINENSE - Marcos Felipe; Samuel Xavier, Manoel, Luccas Claro e Danilo Barcelos; Wellington (Lucca), Yago Felipe e André (Martinelli); Luiz Henrique (Matheus Ferraz), Fred (Bobadilla) e Caio Paulista (Cazares). Técnico: Marcão.

GOLS - Gilberto, aos 38 e aos 46 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Gilberto (Bahia); Luccas Claro, Yago Felipe, Wellington, Bobadilla e Fred (Fluminense).

CARTÕES VERMELHOS - Rossi (Bahia); Manoel (Fluminense).

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira (Fifa-SP).

RENDA - R$ 418.346,00.

PÚBLICO - 26.701 torcedores.

LOCAL - Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;