Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com gol no fim, Atlético-GO vence Chapecoense fora e sela permanência na Série A



03/12/2021 | 22:13


Apesar de um confronto com baixo nível técnico, o Atlético-GO contou com a sorte e venceu a Chapecoense, por 1 a 0, na Arena Condá, em Chapecó (SC), nesta sexta-feira, em jogo da 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O único gol da partida foi de Arthur Henrique, num chute sem querer aos 42 minutos do segundo tempo.

A vitória selou a permanência do Atlético-GO na Série A de 2022. Os goianos aparecem em 11º lugar, com 47 pontos ganhos. Enquanto a Chapecoense, já rebaixada, segue na lanterna, com 15, em uma campanha com uma vitória, 12 empates e 23 derrotas.

O confronto deveria ter sido realizado no dia 26 de novembro, mas um dia antes a delegação do Atlético-GO e o trio de arbitragem tiveram dificuldades em desembarcar no aeroporto de Chapecó devido às condições climáticas, obrigando a CBF a adiar o confronto para nova data.

Como esperado, o primeiro tempo foi bastante truncado e com pouquíssimas chances de gol. O Atlético-GO foi extremamente cauteloso como visitante e só teve oportunidades em chutes de longa distância, como aconteceu aos dez e aos 26 minutos, ambos do atacante Janderson.

Já a Chapecoense se esforçou para ficar com a bola no campo de ataque, mas teve muitas dificuldades com a marcação goiana. Tanto é que a melhor chance de abrir o placar aconteceu apenas aos 33 minutos, quando Bruno Silva obrigou ótima defesa do goleiro Fernando Miguel.

No segundo tempo, o Atlético-GO voltou com postura mais ofensiva e não deixou a Chapecoense jogar. Aos 15 minutos, Marlon Freitas puxou contra-ataque, preferiu jogada individual e finalizou à esquerdo do goleiro Fernando Miguel, que só acompanhou a bola sair pela linha de fundo.

Muito mais na força de vontade do que na técnica, a Chapecoense pouco fez para sair de campo com a vitória. Aos 27 minutos, em lance isolado, Rodriguinho viu o goleiro Fernando Miguel adiantado e finalizou por cobertura, mas para fora, rendendo aplausos dos torcedores.

Na reta final da partida, o Atlético-GO seguiu com maior posse de bola e, sem querer, encontrou o gol da vitória. Aos 42 minutos, Arthur Henrique recebeu na esquerda, tentou cruzar, mas acertou o ângulo do goleiro João Paulo, dando números finais ao confronto em território catarinense.

A Chapecoense volta a campo na segunda-feira para enfrentar o Sport, às 21 horas, na Arena Condá, em Chapecó (SC). Enquanto o Atlético-GO, no mesmo dia, mas às 20 horas, visitará o Internacional, no Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE 0 X 1 ATLÉTICO-GO

CHAPECOENSE - João Paulo; Ezequiel, Joílson, Ignácio e Busanello; Moisés Ribeiro, Lima (Geuvânio), Ronei e Mike (Marquinho); Henrique Almeida (Perotti) e Bruno Silva (Rodriguinho). Técnico: Felipe Endres.

ATLÉTICO-GO - Fernando Miguel; Dudu, Éder, Oliveira e Arthur Henrique; Willian Maranhão, Marlon Freitas (Arnaldo) e Rickson (Matheus Barbosa); Janderson (Werley), Zé Roberto (Toró) e Ronald (Lucão). Técnico: Marcelo Cabo.

GOL - Arthur Henrique, aos 42 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Caio Max Augusto Vieira (RN).

CARTÕES AMARELOS - Éder e Arthur Henrique (Atlético-GO).

RENDA - R$ 23.485,00.

PÚBLICO - 1.134 pagantes.

LOCAL - Arena Condá, em Chapecó (SC).



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;