Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Dia Mundial Sem Carro: 5 destinos em que automóveis são proibidos

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Redação
Do Rota de Férias

22/09/2021 | 06:56


Em 22 de setembro é comemorado o Dia Mundial Sem Carro. A data foi criada na França, em 1997, e a partir daí passou a ser celebrada em muitos outros países. Seu objetivo é incentivar as pessoas a usar meios de deslocamento alternativos nas metrópoles, de modo a estimular a mobilidade urbana e a redução da emissão de poluentes na atmosfera.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Algumas grandes cidades espalhadas pelo mundo almejam, nos próximos anos, banir a circulação de carros em regiões centrais ou mesmo toda a área. É o caso de Copenhagen, na Dinamarca, Berlim, na Alemanha, Madri, na Espanha, Paris, na França, Bruxelas, na Bélgica, e Oslo, na Noruega.

Outras já proíbem a entrada de automóveis há muito tempo – ou ainda nunca permitiram, sobretudo por motivos geográficos. Há destinos até mesmo no Brasil que impedem a entrada de carros.

Dia Mundial Sem Carro: 5 destinos para visitar

Para celebrar o Dia Mundial Sem Carro, confira cinco destinos pelo mundo em que a entrada de automóveis é proibida.

  • Caraíva, Bahia – Brasil

Monica Silvestre no Pexels
Caraíva

 

Em Caraíva, vila ribeirinha que pertence a Porto Seguro, na Bahia, carros não entram. Quem vai até lá de automóvel precisa deixá-lo do “lado de fora” e seguir de barco para a região. Uma vez lá, é hora de aproveitar o clima de tranquilidade, bater-papo com os nativos para ouvir alguns “causos”, ver o movimento dos pescadores e ir à praia relaxar, deixando o tempo passar sem pressa.

Reserva de hotéis no Booking. Confira aqui as melhores opções no Brasil e no mundo.

  • Veneza – Itália

Gerhard G. por Pixabay
Veneza

 

Em Veneza, na Itália, quem manda são os barcos. Carros por lá não entram. Formada por mais de cem ilhotas conectadas por pontes, a Sereníssima é um lugar perfeito para celebrar o Dia Mundial Sem Carro, explorando-a a pé ou pelos meios de transporte fluviais. Há muito que visitar por lá, como a Basílica de São Marcos, o Campanário e o Palácio Ducal.

Siga a cobertura de nossos repórteres por todo o mundo, diariamente, no Instagram @rotadeferias, com direito a belas fotos e stories curiosos.

  • Zermatt – Suíça

Christian Perret – Divulgação
Zermatt

 

Um dos destinos mais celebrados da Suíça no inverno, Zermatt é mais um lugar em que a circulação de carros é proibida. Localizado ao sopé do Matterhorn, pico símbolo do país, o destino atrai tanto quem gosta de esquiar quanto quem deseja apenas curtir o frio com muito charme. Também é possível ir para lá nos meses mais quentes a fim de fazer trilhas em meio aos cenários naturais.

Seguro viagem prático e eficiente – Ganhe 5% de desconto ao usar o cupom ROTADEFERIAS5 na caixa “Cupom de desconto” da Seguros Promo.

  • Mackinac Island, Michigan – EUA

PublicDomainPictures por Pixabay
Mackinac Island

 

Até mesmo os EUA, um lugar em que a indústria do automóvel é tão celebrada, abriga um destino em que carro, praticamente, não entra – apenas veículos de emergência são autorizados. Trara-se da Mackinac Island, em Michigan. Lá, quem manda são as bicicletas e carruagens, perfeitas para fazer turismo pela região.

Vai viajar de avião? Pesquise aqui as melhores opções de passagens aéreas.

yasioo por Pixabay
Hidra

 

Perfeita para celebrar o Dia Mundial Sem Carro, Hidra é uma entre as tantas ilhas espetaculares da Grécia. Casinhas brancas separadas por ruas de paralelepípedos e muitas árvores tomam conta do cenário. Nelas, automóveis são proibidos de circular. Para os viajantes, é um cenário perfeito para andar a pé e curtir as piscinas naturais azuis.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;