Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 9 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Oposição pede detalhes ao governo do estudo sobre vermífugo contra Covid-19

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


20/10/2020 | 17:28


O deputado Rogério Correia (PT-MG) apresentou requerimento pedido informações ao ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, sobre os resultados de um estudo clínico do uso do vermífugo nitazoxanida na fase precoce da covid-19. O pedido do parlamentar foi protocolado na Câmara dos Deputados.

O ministério diz que os testes mostraram eficácia do produto, mas a pesquisa não foi divulgada. Na apresentação, em evento com o presidente Jair Bolsonaro e ministros do primeiro escalão, um gráfico usado no material promocional não tem base em dados reais. A fonte da animação de um gráfico em barras decrescente genérico é um banco de imagens.

"Bolsonaro age com irresponsabilidade e brinca com uma situação gravíssima: a maior pandemia do século. Pela comunidade científica, não há nenhuma comprovação da eficácia do vermífugo no combate à covid", afirmou Rogério Correia.

Segundo o governo, o estudo ainda será publicado em uma revista científica. "Infelizmente, nesse momento não poderei relatar mais detalhe sobre o estudo já que ele foi submetido à uma revista internacional e isso faria com que perdêssemos o ineditismo, limitando a publicação. Entretanto, no Brasil continuam morrendo em torno de 500 indivíduos por dia", disse a coordenadora do estudo, Patrícia Rocco, ontem no Palácio do Planalto.

Rocco afirmou que a pesquisa foi submetida à Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) e também aos conselhos de ética de cada unidade hospitalar onde o estudo foi feito. No comunicado à imprensa do ministério é afirmado que as pesquisas com a nitazoxanida se basearam em um estudo do Laboratório Nacional de Biociências do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais, organização vinculada ao ministério. Segundo o governo, a nitaxozanida foi o fármaco que apresentou a melhor capacidade de inibir a carga viral da covid-19 nesse estudo.

O deputado Rogério Correia é ainda autor de um pedido de abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as recomendações do uso da hidroxicloroquina pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, durante a pandemia. São necessárias 171 assinaturas de deputados para se abrir a comissão, mas até o momento o parlamentar conseguiu apenas 58 adesões.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;