Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Trump é retirado de entrevista coletiva, após receber orientação de funcionário

Reprodução/Facebook Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


10/08/2020 | 19:11


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deixou nesta segunda-feira, 10, uma entrevista coletiva na Casa Branca nos minutos iniciais, após um funcionário o interromper e falar-lhe em privado. Segundo a imprensa americana, a saída dele ocorreu após ter sido informado sobre algo pelo serviço secreto e a segurança no local estaria reforçada.

No início da coletiva, Trump havia criticado supostas irregularidades eleitorais na Virgína. Ele tem argumentado que o voto pelo correio, uma alternativa diante da pandemia da covid-19, é sujeito a fraudes. Além disso, Trump havia comemorado a alta recente no mercado acionário, atribuindo o avanço da maioria das bolsas de Nova York hoje a decretos de estímulo lançados no fim de semana por ele.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Trump é retirado de entrevista coletiva, após receber orientação de funcionário


10/08/2020 | 19:11


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deixou nesta segunda-feira, 10, uma entrevista coletiva na Casa Branca nos minutos iniciais, após um funcionário o interromper e falar-lhe em privado. Segundo a imprensa americana, a saída dele ocorreu após ter sido informado sobre algo pelo serviço secreto e a segurança no local estaria reforçada.

No início da coletiva, Trump havia criticado supostas irregularidades eleitorais na Virgína. Ele tem argumentado que o voto pelo correio, uma alternativa diante da pandemia da covid-19, é sujeito a fraudes. Além disso, Trump havia comemorado a alta recente no mercado acionário, atribuindo o avanço da maioria das bolsas de Nova York hoje a decretos de estímulo lançados no fim de semana por ele.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;