Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 2 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Briga de casal termina com morte de criança em SP


Do Diário OnLine
Com Agências

20/05/2003 | 08:26


O pedreiro José Galdêncio de Jesus é acusado de atear fogo na casa de madeira onde morava com Antonia Irene de Paiva Queiroz, 39 anos, na rua do Socorro, no bairro Polvilho, na cidade de Cajamar, na Grande São Paulo.

Separado, Galdêncio havia voltado à residência para conversar com Irene. Porém, houve discussão e ele teria ateado fogo na residência, matando Tiago de Paiva Queiroz, 11 anos, um dos filhos de Irene. Ele morreu carbonizado, já que os vizinhos não tiveram tempo para socorrê-lo.

Os gêmeos Cosme e Damião de Paiva Queiroz, 19 anos, também filhos da dona-de-casa, e Davi Galdêncio, filho do pedreiro, se queimaram o incêndio. Os três foram socorridos no Pronto-socorro Municipal de Franco da Rocha.

O pedreiro acusado do crime não foi localizado pela polícia. O caso foi registrado no Distrito Policial de Cajamar.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;