Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Policiais acusados de seqüestro são presos em Roraima


Do Diário OnLine
Com Agências

28/06/2003 | 17:15


Três policiais foram presos neste sábado em Roraima acusados do seqüestro do empresário guianense Mahamed Khan, 46 anos, no último dia 22. Eles pediram à família da vítima um resgate de R$ 800 mil.

No dia do crime, Domingos Pereira de Aquino, Francisco Fernandes Guimarães Filho e Paulo César Buckley da Silva obrigaram os fiscais da Secretaria de Fazendo do município de Mucajai a interceptar o ônibus em que o empresário viajava sob o argumento de que ele precisava ser investigado.

Os policiais, então, retiraram Khan e liberaram o veículo. Em seguida, ligaram para a família da vítima exigindo o resgate. A família, entretanto, denunciou o caso à Secretaria de Segurança Pública de Roraima, que armou uma emboscada para prender os policiais.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Policiais acusados de seqüestro são presos em Roraima

Do Diário OnLine
Com Agências

28/06/2003 | 17:15


Três policiais foram presos neste sábado em Roraima acusados do seqüestro do empresário guianense Mahamed Khan, 46 anos, no último dia 22. Eles pediram à família da vítima um resgate de R$ 800 mil.

No dia do crime, Domingos Pereira de Aquino, Francisco Fernandes Guimarães Filho e Paulo César Buckley da Silva obrigaram os fiscais da Secretaria de Fazendo do município de Mucajai a interceptar o ônibus em que o empresário viajava sob o argumento de que ele precisava ser investigado.

Os policiais, então, retiraram Khan e liberaram o veículo. Em seguida, ligaram para a família da vítima exigindo o resgate. A família, entretanto, denunciou o caso à Secretaria de Segurança Pública de Roraima, que armou uma emboscada para prender os policiais.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;