Fechar
Publicidade

Domingo, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Secretário-geral da ONU diz estar desapontado com resultados da COP25



15/12/2019 | 14:38


O secretário-geral das Organizações das Nações Unidas (ONU), António Guterres afirmou neste domingo, 15, em sua conta no Twitter, estar desapontado com os resultados da Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2019 (COP 25). As negociações terminaram neste domingo em Madri, na Espanha, sem que os participantes tenham chegado a um acordo sobre como regular os mercados globais de carbono.

Segundo ele, "a comunidade internacional perdeu uma importante oportunidade de mostrar maior ambição para mitigação, adaptação e financiamento no enfrentamento à crise climática".

Apesar dos resultados aquém do esperado, Guterres ponderou que não irá desistir. "Eu estou mais determinado do que nunca em trabalhar para que 2020 seja o ano em que todos os países se comprometam em fazer o que a ciência nos diz ser necessário para alcançar a neutralidade do carbono em 2050 e um aumento de temperatura que não esteja acima de 1,5 grau".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Secretário-geral da ONU diz estar desapontado com resultados da COP25


15/12/2019 | 14:38


O secretário-geral das Organizações das Nações Unidas (ONU), António Guterres afirmou neste domingo, 15, em sua conta no Twitter, estar desapontado com os resultados da Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2019 (COP 25). As negociações terminaram neste domingo em Madri, na Espanha, sem que os participantes tenham chegado a um acordo sobre como regular os mercados globais de carbono.

Segundo ele, "a comunidade internacional perdeu uma importante oportunidade de mostrar maior ambição para mitigação, adaptação e financiamento no enfrentamento à crise climática".

Apesar dos resultados aquém do esperado, Guterres ponderou que não irá desistir. "Eu estou mais determinado do que nunca em trabalhar para que 2020 seja o ano em que todos os países se comprometam em fazer o que a ciência nos diz ser necessário para alcançar a neutralidade do carbono em 2050 e um aumento de temperatura que não esteja acima de 1,5 grau".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;