Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 13 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Festa de Gigantes

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Heloísa Cestari
Do Diário do Grande ABC

04/02/2010 | 07:00


Falou do Carnaval de Olinda, lembrou dos bonecos gigantes, que arrastam milhares de foliões ladeira acima, ladeira abaixo, num dos mais irreverentes e democráticos festejos momescos do País.

Neste ano, o cordão de 300 bonecos ganhará o reforço de mais 42 personagens, produzidos nos ateliês de Silvio Botelho e de outros oito artesãos. O mais famoso deles é o quase octogenário Homem da Meia-Noite, que desfila pelas ruas do centro histórico, com seus sorriso largo e gestos elegantes, desde 1932.

Outros queridinhos dos olindenses são a Mulher do Meio-Dia, o Menino da Tarde, o Barba Papa, o John Travolta e o Porteiro. Mas a grande novidade desta edição promete ser o Maestro Forró, que será homenageado na terça de Carnaval durante o tradicional Encontro de Bonecos Gigantes no Largo da Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe.

A versão gigante do maestro terá 3,2 metros de altura e desfilará acompanhada por outras 15 réplicas de músicos da Orquestra Popular da Bomba do Hemetério.

Outra novidade será a instalação de uma sombrinha gigante - com 14 metros de altura por três de largura - na entrada da cidade, no Varadouro. A ideia é fazê-la entrar para o Guinness Book, o Livro dos Recordes, como a maior sombrinha de frevo do mundo.

E para que ninguém reclame da falta d'água - queixa recorrente nos carnavais anteriores -, a Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento) informou que o fornecimento de água será ininterrupto durante os principais dias de festa. Um investimento de R$ 5,3 milhões garantiu a perfuração de dois novos poços que vão ofertas cerca de 50 litros de água por segundo.

RECIFE - Na capital pernambucana, a Folia é comandada por outra figurinha carimbada: o Galo da Madrugada. O mais famoso bloco de Recife ganhará as ruas no dia 13 arrastando mais de 2 milhões de foliões. Para quem prefere acompanhar a multidão de longe, o Catamaran Tours está organizando um passeio de barco que acompanhará o desfile à margem, com direito a som de DJs e serviço de bufê incluído. Os ingressos custam R$ 130 por passageiro.

Pelo nono ano consecutivo, o percussionista Naná Vasconcelos comandará a abertura oficial do Carnaval de Recife regendo 17 nações de maracatu ao mesmo tempo - cerca de 600 batuqueiros. O evento acontece dia 12, às 19h, no Marco Zero, com homenagem especial à Nação Maracatu Estrela Brilhante de Igarassú e os Caboclinhos Tribo Canindé do Recife, considerados as agremiações mais antigas em seus respectivos gêneros. "Dessa forma, concentramos toda a atenção nas tradições do maracatu e dos caboclinhos", justifica o músico.

CEARÁ - A Folia em Fortaleza não é tradicional como a das capitais vizinhas, mas promete cativar os cearenses. Além dos humorados desfiles de blocos que tomaram as ruas desde o fim de janeiro, o feriado contará com a ginga de Diogo Nogueira (dia 13) e os repertórios de Zeca Baleiro (14), Orquestra Imperial (15) e Nação Zumbi (16), em palco armado na Praia de Iracema, considerada um dos grandes redutos da boemia cearense.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Festa de Gigantes

Heloísa Cestari
Do Diário do Grande ABC

04/02/2010 | 07:00


Falou do Carnaval de Olinda, lembrou dos bonecos gigantes, que arrastam milhares de foliões ladeira acima, ladeira abaixo, num dos mais irreverentes e democráticos festejos momescos do País.

Neste ano, o cordão de 300 bonecos ganhará o reforço de mais 42 personagens, produzidos nos ateliês de Silvio Botelho e de outros oito artesãos. O mais famoso deles é o quase octogenário Homem da Meia-Noite, que desfila pelas ruas do centro histórico, com seus sorriso largo e gestos elegantes, desde 1932.

Outros queridinhos dos olindenses são a Mulher do Meio-Dia, o Menino da Tarde, o Barba Papa, o John Travolta e o Porteiro. Mas a grande novidade desta edição promete ser o Maestro Forró, que será homenageado na terça de Carnaval durante o tradicional Encontro de Bonecos Gigantes no Largo da Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe.

A versão gigante do maestro terá 3,2 metros de altura e desfilará acompanhada por outras 15 réplicas de músicos da Orquestra Popular da Bomba do Hemetério.

Outra novidade será a instalação de uma sombrinha gigante - com 14 metros de altura por três de largura - na entrada da cidade, no Varadouro. A ideia é fazê-la entrar para o Guinness Book, o Livro dos Recordes, como a maior sombrinha de frevo do mundo.

E para que ninguém reclame da falta d'água - queixa recorrente nos carnavais anteriores -, a Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento) informou que o fornecimento de água será ininterrupto durante os principais dias de festa. Um investimento de R$ 5,3 milhões garantiu a perfuração de dois novos poços que vão ofertas cerca de 50 litros de água por segundo.

RECIFE - Na capital pernambucana, a Folia é comandada por outra figurinha carimbada: o Galo da Madrugada. O mais famoso bloco de Recife ganhará as ruas no dia 13 arrastando mais de 2 milhões de foliões. Para quem prefere acompanhar a multidão de longe, o Catamaran Tours está organizando um passeio de barco que acompanhará o desfile à margem, com direito a som de DJs e serviço de bufê incluído. Os ingressos custam R$ 130 por passageiro.

Pelo nono ano consecutivo, o percussionista Naná Vasconcelos comandará a abertura oficial do Carnaval de Recife regendo 17 nações de maracatu ao mesmo tempo - cerca de 600 batuqueiros. O evento acontece dia 12, às 19h, no Marco Zero, com homenagem especial à Nação Maracatu Estrela Brilhante de Igarassú e os Caboclinhos Tribo Canindé do Recife, considerados as agremiações mais antigas em seus respectivos gêneros. "Dessa forma, concentramos toda a atenção nas tradições do maracatu e dos caboclinhos", justifica o músico.

CEARÁ - A Folia em Fortaleza não é tradicional como a das capitais vizinhas, mas promete cativar os cearenses. Além dos humorados desfiles de blocos que tomaram as ruas desde o fim de janeiro, o feriado contará com a ginga de Diogo Nogueira (dia 13) e os repertórios de Zeca Baleiro (14), Orquestra Imperial (15) e Nação Zumbi (16), em palco armado na Praia de Iracema, considerada um dos grandes redutos da boemia cearense.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;