Fechar
Publicidade

Sábado, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Vida e seus rumos incertos

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

‘Bom sucesso’, que estreia hoje na Globo, traz reflexão sobre o que realmente importa no dia a dia


Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

29/07/2019 | 07:08


Fazer exames é uma rotina que deve ser seguida com frequência, a fim de manter a saúde em dia. Mas e quando um simples diagnóstico revela que você tem apenas seis meses de vida? É com um resultado desse em mãos que Paloma (Grazi Mazzafera) vê a sua vida tomar outro rumo, o que dá sequência à história da novela Bom Sucesso, que estreia hoje, na faixa das 19h, na Rede Globo. A trama foi escrita por Rosane Svartman e Paulo Halm e tem direção artística de Luiz Henrique Rios.

“A novela fala sobre a importância de viver com a consciência de que nossos dias são finitos e únicos. É sobre saber valorizar, de forma intensa, as pequenas coisas do cotidiano, como um abraço em alguém da família, um encontro fortuito com um amigo, um pôr do sol.”, explica Rosane Svartman. E como nada é finito, este diagnóstico também não é.

Depois de sofrer com a ideia de que pode morrer logo, Paloma, que mora no bairro de Bonsucesso, no Rio, descobre que o exame é de outra pessoa, o dono da editora Prado Monteiro, Alberto (Antonio Fagundes). A paixão pela literatura acaba os aproximando e a mocinha, que passa a fazer parte do seu ciclo de pessoas, se apaixona – e vice-versa – pelo filho do empresário, Marcos Rômulo Estrela.

Paloma faz Alberto redescobrir o prazer de viver no tempo que lhe resta. Já o editor apresenta a ela, cheio de histórias e novas perspectivas. “Esse encontro é uma junção de almas, e eles vão aprender, um com o outro, a olhar além de seus limites”, aponta Paulo Halm.

A ideia da trama, segundo o diretor, que inspirar para que as pessoas vivam melhor. “É uma história totalmente universal. Só temos uma certeza na vida, que é a morte. Como seres humanos, temos tido muita dificuldade em conversar com essa ‘grande conselheira’. Fazer uma comédia a partir disso é muito especial. O público ainda pode esperar muito carinho, emoção e uma dose grande de amor e leveza”, promete.

Também estão no elenco Ingrid Guimarães, Fabiula Nascimento, Lúcio Mauro Filho, Sheron Menezzes, Jonas Bloch, Eduardo Galvão, João Bravo, Armando Babaioff, entre outros. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vida e seus rumos incertos

‘Bom sucesso’, que estreia hoje na Globo, traz reflexão sobre o que realmente importa no dia a dia

Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

29/07/2019 | 07:08


Fazer exames é uma rotina que deve ser seguida com frequência, a fim de manter a saúde em dia. Mas e quando um simples diagnóstico revela que você tem apenas seis meses de vida? É com um resultado desse em mãos que Paloma (Grazi Mazzafera) vê a sua vida tomar outro rumo, o que dá sequência à história da novela Bom Sucesso, que estreia hoje, na faixa das 19h, na Rede Globo. A trama foi escrita por Rosane Svartman e Paulo Halm e tem direção artística de Luiz Henrique Rios.

“A novela fala sobre a importância de viver com a consciência de que nossos dias são finitos e únicos. É sobre saber valorizar, de forma intensa, as pequenas coisas do cotidiano, como um abraço em alguém da família, um encontro fortuito com um amigo, um pôr do sol.”, explica Rosane Svartman. E como nada é finito, este diagnóstico também não é.

Depois de sofrer com a ideia de que pode morrer logo, Paloma, que mora no bairro de Bonsucesso, no Rio, descobre que o exame é de outra pessoa, o dono da editora Prado Monteiro, Alberto (Antonio Fagundes). A paixão pela literatura acaba os aproximando e a mocinha, que passa a fazer parte do seu ciclo de pessoas, se apaixona – e vice-versa – pelo filho do empresário, Marcos Rômulo Estrela.

Paloma faz Alberto redescobrir o prazer de viver no tempo que lhe resta. Já o editor apresenta a ela, cheio de histórias e novas perspectivas. “Esse encontro é uma junção de almas, e eles vão aprender, um com o outro, a olhar além de seus limites”, aponta Paulo Halm.

A ideia da trama, segundo o diretor, que inspirar para que as pessoas vivam melhor. “É uma história totalmente universal. Só temos uma certeza na vida, que é a morte. Como seres humanos, temos tido muita dificuldade em conversar com essa ‘grande conselheira’. Fazer uma comédia a partir disso é muito especial. O público ainda pode esperar muito carinho, emoção e uma dose grande de amor e leveza”, promete.

Também estão no elenco Ingrid Guimarães, Fabiula Nascimento, Lúcio Mauro Filho, Sheron Menezzes, Jonas Bloch, Eduardo Galvão, João Bravo, Armando Babaioff, entre outros. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;