Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 23 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Senado dos Estados Unidos aprova pacote de ajuda de US$ 4,6 bi para imigrantes na fronteira

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Imigração têm advertido que precisa de novos fundos para lidar com o grande número de pessoas em busca de asilo



26/06/2019 | 20:25


O Senado aprovou um projeto que destina US$ 4,6 bilhões em ajuda humanitária para imigrantes na fronteira sul do país. Agora, o Senado controlado pelos republicanos e a Câmara dos Representantes, de maioria democrata, terão dias para tentar chegar a um acordo antes do recesso para o feriado de 4 de julho no país.

Agentes de imigração têm advertido que precisam de novos fundos para lidar com o grande número de pessoas em busca de asilo na fronteira sul. O governo do presidente Donald Trump requereu inicialmente o dinheiro extra em 1º de maio.

A presidente da Câmara, a democrata Nancy Pelosi, telefonou para Trump nesta quarta-feira para discutir como reconciliar as diferenças entre os projetos da Câmara e do Senado, segundo uma graduada fonte oposicionista. Pelosi afirmou a repórteres que os deputados simplesmente não aceitarão o projeto do Senado. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Senado dos Estados Unidos aprova pacote de ajuda de US$ 4,6 bi para imigrantes na fronteira

Imigração têm advertido que precisa de novos fundos para lidar com o grande número de pessoas em busca de asilo


26/06/2019 | 20:25


O Senado aprovou um projeto que destina US$ 4,6 bilhões em ajuda humanitária para imigrantes na fronteira sul do país. Agora, o Senado controlado pelos republicanos e a Câmara dos Representantes, de maioria democrata, terão dias para tentar chegar a um acordo antes do recesso para o feriado de 4 de julho no país.

Agentes de imigração têm advertido que precisam de novos fundos para lidar com o grande número de pessoas em busca de asilo na fronteira sul. O governo do presidente Donald Trump requereu inicialmente o dinheiro extra em 1º de maio.

A presidente da Câmara, a democrata Nancy Pelosi, telefonou para Trump nesta quarta-feira para discutir como reconciliar as diferenças entre os projetos da Câmara e do Senado, segundo uma graduada fonte oposicionista. Pelosi afirmou a repórteres que os deputados simplesmente não aceitarão o projeto do Senado. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;