Fechar
Publicidade

Sábado, 23 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Sinuca de bico na Câmara de Mauá


Raphael Rocha

17/12/2018 | 23:03


A situação política do prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), se deteriorou demais após a segunda prisão, na quinta-feira. Como atingiu também em cheio a Câmara, a Operação Trato Feito, da PF (Polícia Federal), trouxe incertezas também de como os vereadores vão reagir ao caso. Uma coisa é certa: pela LOM (Lei Orgânica do Município), o socialista pode se ausentar da cidade por até 14 dias sem necessidade de aval legislativo. Com essa autorização, são mais 30 dias de prazo. Ou seja, Atila pode ficar longe da cidade até o dia 28. Se pedir nova licença mensal, o Parlamento terá de interromper as férias. E aí é que a sinuca de bico se configura. Vereadores têm comentado sobre a possibilidade de, em vez de analisar o pedido de licença de 30 dias, votar o impeachment de Atila. Assim, mostrariam à PF que não possuem relação com o suposto esquema criminoso de superfaturamento de contratos para pagar Mensalinho aos parlamentares. E há um ingrediente que torna tudo ainda mais nebuloso. No dia 28, o presidente da Câmara ainda será Admir Jacomussi (PRP), pai do prefeito preso. Na primeira detenção, Jacó, como é conhecido, segurou com rédea firme qualquer movimentação contra o filho.

Reforço
A agência Nova Cin anunciou a contratação da digital planner Samantha Teixeira, especialista em inbound marketing e produção de conteúdo para a web pela Universidade Rock Content. Ela atuou na administração do prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), e também no governo de Márcio França (PSB), no Estado. Outro reforço anunciado foi o do professor universitário Luiz Galeazzo Vareta, que integrará o time criativo da empresa. Vareta atuou como digital influencer da campanha do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Homenagem
Familiares de Samuel Klein, fundador da Casas Bahia e morto em 2014, foram ao gabinete do prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB), para prestigiar a oficialização da mudança de nome da Rua João Pessoa, no Centro, que agora lembrará a memória do empresário.

Aprovado
A Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei do deputado estadual Luiz Fernando Teixeira (PT), que torna obrigatória a distribuição gratuita de leite sem lactose às crianças de baixa renda, comprovadamente portadoras de intolerância à lactose, no Estado de São Paulo. “Proporcionará às famílias de baixa renda a possibilidade de aquisição de um produto essencial, sem comprometer a renda familiar, tendo em vista o alto custo deste tipo de alimento.”

Sinais
Registro fotográfico chamou atenção durante a eleição para presidência da Câmara de São Caetano, no sábado, vencida pelo vereador Pio Mielo (MDB). O emedebista aparece em frente ao colega Edison Parra (PSB) e tem a gravata ajeitada pelo socialista. Curiosamente, Parra se colocava como candidato ao comando do Legislativo. Composição interna o alçou à vice-presidência.

Agenda
O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), recebeu ontem, em seu gabinete, alunos da Emeb Otílio de Oliveira, no Rudge Ramos, e foi entrevistado pelas crianças, que mantêm blog sobre o dia a dia da cidade. “Fizeram perguntas interessantes. Achei a experiência muito interessante. A informática está na vida das pessoas e cada vez mais cedo”, comentou o tucano. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sinuca de bico na Câmara de Mauá

Raphael Rocha

17/12/2018 | 23:03


A situação política do prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), se deteriorou demais após a segunda prisão, na quinta-feira. Como atingiu também em cheio a Câmara, a Operação Trato Feito, da PF (Polícia Federal), trouxe incertezas também de como os vereadores vão reagir ao caso. Uma coisa é certa: pela LOM (Lei Orgânica do Município), o socialista pode se ausentar da cidade por até 14 dias sem necessidade de aval legislativo. Com essa autorização, são mais 30 dias de prazo. Ou seja, Atila pode ficar longe da cidade até o dia 28. Se pedir nova licença mensal, o Parlamento terá de interromper as férias. E aí é que a sinuca de bico se configura. Vereadores têm comentado sobre a possibilidade de, em vez de analisar o pedido de licença de 30 dias, votar o impeachment de Atila. Assim, mostrariam à PF que não possuem relação com o suposto esquema criminoso de superfaturamento de contratos para pagar Mensalinho aos parlamentares. E há um ingrediente que torna tudo ainda mais nebuloso. No dia 28, o presidente da Câmara ainda será Admir Jacomussi (PRP), pai do prefeito preso. Na primeira detenção, Jacó, como é conhecido, segurou com rédea firme qualquer movimentação contra o filho.

Reforço
A agência Nova Cin anunciou a contratação da digital planner Samantha Teixeira, especialista em inbound marketing e produção de conteúdo para a web pela Universidade Rock Content. Ela atuou na administração do prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), e também no governo de Márcio França (PSB), no Estado. Outro reforço anunciado foi o do professor universitário Luiz Galeazzo Vareta, que integrará o time criativo da empresa. Vareta atuou como digital influencer da campanha do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Homenagem
Familiares de Samuel Klein, fundador da Casas Bahia e morto em 2014, foram ao gabinete do prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB), para prestigiar a oficialização da mudança de nome da Rua João Pessoa, no Centro, que agora lembrará a memória do empresário.

Aprovado
A Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei do deputado estadual Luiz Fernando Teixeira (PT), que torna obrigatória a distribuição gratuita de leite sem lactose às crianças de baixa renda, comprovadamente portadoras de intolerância à lactose, no Estado de São Paulo. “Proporcionará às famílias de baixa renda a possibilidade de aquisição de um produto essencial, sem comprometer a renda familiar, tendo em vista o alto custo deste tipo de alimento.”

Sinais
Registro fotográfico chamou atenção durante a eleição para presidência da Câmara de São Caetano, no sábado, vencida pelo vereador Pio Mielo (MDB). O emedebista aparece em frente ao colega Edison Parra (PSB) e tem a gravata ajeitada pelo socialista. Curiosamente, Parra se colocava como candidato ao comando do Legislativo. Composição interna o alçou à vice-presidência.

Agenda
O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), recebeu ontem, em seu gabinete, alunos da Emeb Otílio de Oliveira, no Rudge Ramos, e foi entrevistado pelas crianças, que mantêm blog sobre o dia a dia da cidade. “Fizeram perguntas interessantes. Achei a experiência muito interessante. A informática está na vida das pessoas e cada vez mais cedo”, comentou o tucano. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;