Fechar
Publicidade

Sábado, 22 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ramalhão pega o Taubaté atrás da segunda vitória no Bruno Daniel

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Palhavam cobra melhor rendimento no estádio, após acumular duas derrotas em três partidas


Anderson Fattori

05/09/2018 | 07:00


O Santo André faz boa campanha na Copa Paulista, está no G-4, mas tem algo que incomoda a equipe: o desempenho no Bruno Daniel. Até agora foram três partidas no estádio, curiosamente três clássicos regionais, com uma vitória sobre o Água Santa (3 a 0) e duas derrotas, para São Bernardo e São Caetano, ambas por 1 a 0. Hoje, às 15h, contra o Taubaté, o Ramalhão tem a possibilidade de melhorar este retrospecto.

Mais do que os três pontos, vencer em casa traz confiança, como ressalta o técnico João Carlos Palhavam. “Esperamos fazer bom jogo e conquistar o resultado positivo. Faz dois jogos que não ganhamos no Bruno Daniel, jogamos três e perdemos dois. Então vamos tirar essa cisma, conseguir grande vitória dentro de casa. É importante para os meninos ganharem moral e para a gente buscar a classificação para a próxima fase”, analisou o treinador.

Com 11 pontos, o Santo André ocupa a terceira posição do Grupo 3. Já o Taubaté está na vice-liderança, com 15, dois a menos que o líder São Caetano.

Um dos segredos do Ramalhão na competição é a versatilidade de seus jogadores. Palhavam tem mudado bastante a escalação aproveitando o fato de alguns atletas irem bem em mais de uma posição. Contra o Água Santa, na última rodada, o zagueiro PV atuou no meio de campo e o volante Matheus Damião foi de lateral-direito.

“Hoje tem de ser versátil. O PV marca bem, nada demais fazer volante. Damião também sabe sair mais, bate bem na bola. Na hora que precisamos os meninos estão respondendo bem. Isso é muito importante”, comemorou o treinador, que conta com o retorno do volante Jhonson, que cumpriu suspensão.

Reforços ainda não podem ser escalados

Ainda não será desta vez que a torcida do Santo André vai rever Guilherme Garré, David Ribeiro e Matheus Santiago em campo. Os jogadores fazem parte dos planos do técnico José Carlos Palhavam, mas ainda não podem ser escalados para ajudar o time na Copa Paulista.

O mais perto de ser liberado é Guilherme Garré. Ele vive a expectativa pela rescisão do contrato de trabalho com o Botafogo de Ribeirão Preto para que seja protocolado seu retorno ao Santo André, clube detentor dos seus direitos federativos, e a publicação de seu nome no BID da CBF. A diretoria espera que isso seja feito até sexta-feira, para que ele possa ser escalado no sábado, no clássico contra o São Bernardo, no Estádio 1º de Maio.

Já David Ribeiro e Matheus Santiago só vão voltar da Turquia, onde estavam em teste, no dia 11. O empresário dos meninos, Sérgio Dias, tentou antecipar a volta deles ao Brasil, mas não conseguiu. Assim, eles só devem ser aproveitados dia 16, contra o Bragantino.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;