Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Esperança à Educação


Do Diário do Grande ABC

25/08/2018 | 11:33


 A oferta de vagas em creches, além de proporcionar local seguro para o desenvolvimento da criança, com espaço para que ela possa brincar, alimentar-se e receber as primeiras noções de educação, ainda contribui sobremaneira para a economia das famílias. É fato que, principalmente nas classes menos favorecidas, as mães – e até os pais – precisam de acomodações de confiança para que possam deixar seus filhos enquanto estão no trabalho.

Isso é claro e relatado por muitas pessoas que sofrem cotidianamente com tal problema, visto que o número de vagas disponibilizadas sempre é menor que o total de alunos. Em Santo André, por exemplo, o excedente de crianças fora das creches está entre 3.500 e 4.000, segundo números da própria Prefeitura. E isso ocorre em todos os municípios.

Diante de tal cenário, não resta outro caminho senão acionar o Judiciário em busca de uma alternativa paliativa que possa garantir à criança e aos pais um direito já assegurado pela Constituição.

Aos municípios nada resta a fazer senão acatar a ordem judicial e admitir a garotada. Em 2017, por exemplo, ocorreram em Santo André 1.609 matrículas obtidas à base de liminares concedidas pela Justiça e, somente nos cinco primeiros meses deste ano, outras 292.

E como os edifícios escolares não possuem a mesma capacidade de ampliação, isso resulta em superlotação das unidades existentes. O que compromete o trabalho dos educadores e traz desconforto aos pequenos alunos.

Dessa forma, é salutar a iniciativa da Prefeitura andreense de unificar cadastro de crianças em fila de espera. Isso irá trazer transparência ao processo e findar a ocorrência de listas múltiplas, e que nem sempre contemplam os que mais necessitam. Também vai facilitar a vida dos pais e demais responsáveis que, por meio de acesso a um site podem saber a real colocação na fila. Além de apontar a real demanda e a necessidade de criação de espaços.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;