Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 21 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Minas tem 75 cidades com mais eleitores do que habitantes



14/06/2018 | 20:39


Minas Gerais é o Estado brasileiro com a maior concentração de cidades que possuem número de eleitores superior ao número de habitantes. De acordo com um levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM) divulgado nesta terça-feira, 12, essa situação ocorre em 75 cidades mineiras. No Brasil, 231 municípios repetem o fenômeno.

Em Maripá de Minas, na Zona da Mata, e Monjolos, na região central do Estado, há três eleitores a mais do que moradores registrados. Já em Catuji, no Vale do Jequitinhonha, a diferença é de 897.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Minas Gerais explicou que o domicílio eleitoral costuma ser mais flexível do que domicílio fixo - onde a pessoa reside. Em nota, o TRE afirmou que é possível uma pessoa votar em uma cidade sem a necessidade de residir nela, que é suficiente apenas um vínculo - patrimonial, por exemplo - para que o eleitor possa votar na localidade.

"A Justiça Eleitoral trabalha a partir dos marcos legais, no sentido de que eventuais distorções no cadastro de eleitores, decorrentes de algum tipo de irregularidade, não existam", afirmou o tribunal. Antes das eleições municipais de 2016, 54 cidades mineiras passaram por revisão no cadastro eleitoral.

Enquanto Minas - com seus 853 municípios - é o campeão no ranking da CNM, São Paulo é o segundo Estado com maior número de cidades com mais eleitores do que moradores, com 29 localidades, segundo o levantamento. Santa Catarina está em terceiro lugar, com 20. Goiás e Rio Grande do Norte têm 19 e 16 municipalidades nessa situação, respectivamente.

Canaã dos Carajás, no Pará, é a cidade com maior disparidade entre o número de eleitores e habitantes: a diferença é de 3.857. Cumaru, no Pernambuco, aparece em segundo lugar com uma diferença de 3.396.

Eleitorado

A pesquisa da CNM, feita por regiões, usando números do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mostra que o Brasil tem 5.568 municípios e 146,1 milhões de pessoas aptas para votar. Os dados mostram que o eleitorado brasileiro cresceu 1,4% desde as eleições de 2016.

O estudo da CNM mostra que Minas continua sendo o segundo maior colégio eleitoral do Brasil, com 15,6 milhões de eleitores, atrás do Estado de São Paulo, que tem 33,2 milhões.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados