Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Leonardo sofre acidente; amigo do cantor morre


Do Diário OnLine

19/11/2003 | 01:02


Foto: Diomício Gomes/O Popular/AE O cantor sertanejo Leonardo sofreu um grave acidente automobilístico por volta das 20h30 de segunda-feira, na estrada GO-070, perto da cidade de Jussara (a 240 quilômetros de Goiânia). Ele sofreu traumatismo craniano leve e ferimentos na mão direita. Outras três pessoas ficaram feridas – duas gravemente. O pecuarista Sebastião Figueiredo Arantes, amigo do artista e padrinho de um dos filhos dele, morreu no acidente.

O neurologista Durval Peixoto de Deus, que atendeu Leonardo, informou que o cantor chegou ao hospital bem, lúcido e orientado. Apesar de os ferimentos não serem graves, Leonardo foi sedado porque estava abalado psicologicamente. Ele está internado na Clínica Santa Mônica, em Aparecida de Goiânia (região metropolitana da capital do Estado).

O último boletim médico liberado pela clínica na tarde desta terça-feira afirma que o quadro de Leonardo é estável. O cantor apresenta pressão arterial estável, responde a comandos verbais e se queixa de dores musculares. Ele passou toda a tarde sedado. O boletim divulgado à noite afirma que ele está bem e consciente.

O artista deve ficar internado em observação até a tarde desta quarta-feira. A assessora de imprensa do cantor, Edy Cury, afirmou que a agenda de shows para o final da semana só será cumprida se os médicos o liberarem. Leonardo recebeu a visita de familiares e do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB).

Test-drive - Leonardo viajava acompanhado por quatro amigos: o pecuarista Sebastião Figueiredo Arantes, o delegado Laerte Rodrigues de Bessa (diretor-geral da Polícia Civil de Brasília), o policial federal Ayrisson Roberto Pequeno e o músico José das Dores Fernandes, conhecido como Zé Mulato (da dupla Zé Mulato e Cassiano). Os quatro foram buscar o cantor no aeroporto de Goiânia, onde ele havia acabado de desembarcar após uma viagem a Garanhuns (PE).

Os cinco seguiam para a Fazenda Talismã, da família do cantor, em Jussara. Eles viajavam numa caminhonete Land Rover Defender que havia sido retirada da concessionária Coima Veículos, de Brasília, pelo delegado Bessa. Em entrevista à TV Record, o diretor da concessionária, Dirceu Bernardon, afirmou que negociava com Bessa a venda de utilitários da montadora para a Polícia Civil do Distrito Federal. Mas a corporação alegou que não pensava em adquirir veículos do tipo e afirmou que Bessa faria uma compra particular.

Na estrada GO-070, o cantor perdeu o controle do carro, que saiu da pista e capotou pelo menos cinco vezes. Os quatro passageiros, que estariam sem cinto de segurança, foram jogados para fora da caminhonete. Ao chegar ao hospital, Leonardo explicou que uma das rodas traseiras do veículo teria se soltado, causando o acidente. A Polícia Rodoviária de Goiás está investigando as causas da tragédia.

As vítimas do acidente foram socorridas rapidamente pelo pai de Leonardo, Avelino Costa, que viajava num carro que seguia a caminhonete. Uma enfermeira que passava pela estrada naquele momento também ajudou.

Feridos - O empresário Sebastião Arantes, compadre de Leonardo, morreu na hora do acidente. Bessa está internado em estado gravíssimo na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Instituto de Neurologia de Goiânia. Ele sofreu traumatismo craniano grave e respira com a ajuda de aparelhos.

Zé Mulato teve perfuração no pulmão e traumatismo craniano. Ele passou esta terça-feira em coma induzido na UTI da Clínica Santa Mônica. O policial federal Ayrisson Roberto Pequeno se feriu levemente no rosto. Ele está em observação, internado na mesma clínica em que Leonardo e Zé Mulato.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;