Fechar
Publicidade

Sábado, 17 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

PSDB deixa dívida para professora


Sérgio Vieira
Do Diário do Grande ABC

29/11/2005 | 08:17


A professora Alice Gaiarsa não tem conseguido dormir direito nos últimos meses. Tudo por conta de uma dívida de R$ 28 mil com a Receita Federal, segundo ela, cobrada injustamente. Há meses tenta vender uma casa para garantir o pagamento da faculdade dos filhos, mas a restrição a impede de fechar a transação. Além dela, mais nove candidatos a vereador pelo PSDB em Santo André nas eleições do ano passado estão com a mesma pendência com o Fisco, entre eles os vereadores eleitos Marcelo Chehade e Airton Biscaro.

O motivo seria um boletim, segundo Alice, distribuído pela Frente Andreense (que tinha como candidato a prefeito Newton Brandão e Duílio Pisaneschi a vice) um dia antes do início do período permitido pela Justiça Eleitoral. O processo foi movido pela coligação que elegeu João Avamileno (PT). Candidata pela segunda vez, Alice teve 543 votos e não foi eleita.

Alice lembra que em junho do ano passado concedeu entrevista a um jornalista sobre sua trajetória profissional. No mês seguinte, foi divulgado um jornal que continha três encartes diferentes. Em cada encarte, constavam entrevistas com filiados do PSDB e pré-candidatos a vereador. Na capa, havia reportagens sobre Brandão e Pisaneschi. No fim do ano passado, a Justiça julgou separadamente os três grupos de candidatos. Na primeira ação, oito entrevistados foram inocentados. O segundo processo, envolvendo 14 candidatos, resultou no pagamento de R$ 21 mil, divididos entre eles. A terceira ação – que Alice faz parte – julgou 11 candidatos e resultou na multa de R$ 21 mil para cada. Um dos envolvidos resolveu pagar a multa e se livrar da pendência.

No início do ano, veio a surpresa: Alice recebeu a visita de um oficial de Justiça no colégio onde trabalha, cobrando a dívida. O que a professora pede agora é que o partido arque com essa despesa – que com os juros, já soma R$ 28 mil – já que ela diz não ter dado autorização para veiculação de entrevista. "Estou me sentido desamparada e traída. Não quero mais saber de política", desabafa.

Para Marcelo Chehade, o PSDB é responsável pelo pagamento da multa. "Houve uma falha porque nos disseram, dentro do partido, que não haveria problema. Não concordo em pagar a multa sozinho", diz. "A Justiça julgou um processo igual de maneira diferente", reclama Airton Biscaro.

O presidente municipal da legenda, José Luiz Cestari, admite que a Frente Andreense errou na defesa dos candidatos, mas alega que o boletim foi produzido por uma entidade comunitária, sem dizer o nome. Mesmo assim, garante que o PSDB pagará as multas. "A defesa realmente não foi eficiente. Agora, o partido vai entrar com ação para tentar amenizar essa situação. Se não conseguirmos, vamos mobilizar o PSDB com eventos, para ajudar a pagar essa conta", assegura.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

PSDB deixa dívida para professora

Sérgio Vieira
Do Diário do Grande ABC

29/11/2005 | 08:17


A professora Alice Gaiarsa não tem conseguido dormir direito nos últimos meses. Tudo por conta de uma dívida de R$ 28 mil com a Receita Federal, segundo ela, cobrada injustamente. Há meses tenta vender uma casa para garantir o pagamento da faculdade dos filhos, mas a restrição a impede de fechar a transação. Além dela, mais nove candidatos a vereador pelo PSDB em Santo André nas eleições do ano passado estão com a mesma pendência com o Fisco, entre eles os vereadores eleitos Marcelo Chehade e Airton Biscaro.

O motivo seria um boletim, segundo Alice, distribuído pela Frente Andreense (que tinha como candidato a prefeito Newton Brandão e Duílio Pisaneschi a vice) um dia antes do início do período permitido pela Justiça Eleitoral. O processo foi movido pela coligação que elegeu João Avamileno (PT). Candidata pela segunda vez, Alice teve 543 votos e não foi eleita.

Alice lembra que em junho do ano passado concedeu entrevista a um jornalista sobre sua trajetória profissional. No mês seguinte, foi divulgado um jornal que continha três encartes diferentes. Em cada encarte, constavam entrevistas com filiados do PSDB e pré-candidatos a vereador. Na capa, havia reportagens sobre Brandão e Pisaneschi. No fim do ano passado, a Justiça julgou separadamente os três grupos de candidatos. Na primeira ação, oito entrevistados foram inocentados. O segundo processo, envolvendo 14 candidatos, resultou no pagamento de R$ 21 mil, divididos entre eles. A terceira ação – que Alice faz parte – julgou 11 candidatos e resultou na multa de R$ 21 mil para cada. Um dos envolvidos resolveu pagar a multa e se livrar da pendência.

No início do ano, veio a surpresa: Alice recebeu a visita de um oficial de Justiça no colégio onde trabalha, cobrando a dívida. O que a professora pede agora é que o partido arque com essa despesa – que com os juros, já soma R$ 28 mil – já que ela diz não ter dado autorização para veiculação de entrevista. "Estou me sentido desamparada e traída. Não quero mais saber de política", desabafa.

Para Marcelo Chehade, o PSDB é responsável pelo pagamento da multa. "Houve uma falha porque nos disseram, dentro do partido, que não haveria problema. Não concordo em pagar a multa sozinho", diz. "A Justiça julgou um processo igual de maneira diferente", reclama Airton Biscaro.

O presidente municipal da legenda, José Luiz Cestari, admite que a Frente Andreense errou na defesa dos candidatos, mas alega que o boletim foi produzido por uma entidade comunitária, sem dizer o nome. Mesmo assim, garante que o PSDB pagará as multas. "A defesa realmente não foi eficiente. Agora, o partido vai entrar com ação para tentar amenizar essa situação. Se não conseguirmos, vamos mobilizar o PSDB com eventos, para ajudar a pagar essa conta", assegura.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;