Fechar
Publicidade

Domingo, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Federer 'tritura' Roddick e vai à final do Aberto da Austrália


Do Diário OnLine

25/01/2007 | 09:09


Era para ser um dos jogos mais equilibrados do Aberto da Austrália 2007. Mas não foi. Na manhã desta quinta-feira, pela fase semifinal, o suíço Roger Federer passeou como um 'trator' por Melbourne e simplesmente 'trucidou' o norte-americano Andy Roddick. Em menos de 1h30, 'Fedex' venceu o 'canhão' da ATP (Associação dos Tenistas Profissionais) por 3 sets a 0, com parciais tranqüilas de 6/4, 6/0 e 6/2.

As expectativas para esta partida eram enormes. Além de uma campanha convincente neste primeiro Grand Slam do ano, com vitórias sobre tenistas do porte de Marat Safin (RUS) e Mario Ancic (CRO), Roddick havia vencido o próprio Federer em um torneio exibição preparatório para o Aberto da Austrália.

No entanto, quando a coisa foi 'pra valer', Roddick literalmente pipocou e mostrou que é um dos fregueses preferidos de Federer. Agora, na história dos confrontos entre os dois tenistas em torneios oficiais, o suíço acumula nada mais do que 13 vitórias em 14 confrontos. A única vitória do americano aconteceu no distante ano de 2003, no Masters Series de Toronto, no Canadá.

Na grande final, 'Fedex' enfrentará o vencedor do duelo entre o alemão Tommy Haas, reconhecidamente um bom jogador no piso rápido (apesar de inconstante), e o chileno Fernando González, sensação deste Aberto da Austrália. Até agora, González eliminou tenistas do porte de Lleyton Hewitt (AUS), James Blake (EUA) e Rafael Nadal (ESP).

Federer buscará no domingo seu terceiro título do Grand Slam que abre a temporada. Em 2004, ele venceu na final o russo Marat Safin. No ano seguinte, no entanto, ele acabou eliminado nas semifinais pelo mesmo Safin, que depois se sagraria campeão. Já em 2006, o suíço bateu o surpreendente cipriota Marcos Baghdatis.

No caso de alcançar o título, Roger Federer se juntará ao norte-americano Bill Tilden, com dez 'canecos' de Grand Slam na carreira. O maior vencedor da história é o já aposentado Pete Sampras, que levantou 14 taças. No entanto, se o suíço continuar neste ritmo, 'Fedex' deve quebrar esse recorde com facilidade.

Federer x Quem? – No início do primeiro set, Federer e Roddick deram sinais de que a partida poderia ser equilibrada. Até o oitavo game, ambos confirmaram seus serviços e mostraram consistência. No entanto, no game seguinte, o suíço quebrou o saque do suíço e fechou a primeira parcial em 6/4.

A partir do segundo set, o que se viu dentro de quadra foi o Federer errando pouco e um Roddick completamente fora das suas características. Adepto do saque/voleio por ter o serviço mais potente e destruidor do circuito, o norte-americano freqüentemente tomava a passada na paralela ou na diagonal, ficando completamente vendido na rede. E o resultado dessa combinação foi um 'pneu' de 'Fedex' no segundo set: 6/0.

Muito concentrado, Federer abriu o terceiro set no mesmo ritmo em que terminou o primeiro. Logo de cara quebrou o serviço de Roddick e abriu 2 games a 0. E, diante de um Roddick derrotado psicologicamente, o suíço continuou passeando em quadra. Ele voltou a quebrar o saque do americano no quinto game e fechou o set em 6/2 e a semifinal em 3 sets a 0.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;