Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Alckmin articula com Eduardo Cunha votação para alterar o ECA

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), vai aproveitar a ida para Brasília para articular com o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha


Caio dos Reis
Especial para o Diário

14/07/2015 | 07:00


O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), vai aproveitar a ida para Brasília para articular com o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a votação da emenda que prevê mudanças no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

“O ECA é uma boa lei, mas não dá resposta ao reincidente grave, os chamados crimes hediondos. Então, nossa proposta é aumentar de três para sete anos de internação para esse tipo de crime”, comentou Alckmin.

O tucano ainda disse que a proposta pode ser apreciada mesmo com a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que reduz de 18 para 16 anos a maioridade penal em caso de crimes graves, aprovada em primeira votação na Câmara dos Deputados no dia 2. “Não há problema nenhum, podem até ser aprovado os dois projetos.”

Ontem, o ECA completou 25 anos e evento no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, comemorou a data com assinatura que liberou R$ 30 milhões em fundos para financiamento de projetos aprovados no setor. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;