Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 16 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Jogadores exaltam resultado, mas lamentam placar mínimo


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

07/05/2015 | 07:00


O São Paulo deixou o Morumbi com sentimento dúbio após vencer o Cruzeiro por 1 a 0. Se comemorou o triunfo e a vantagem para o jogo da volta, lamentou ter desperdiçado tantas oportunidades de gol que poderiam deixá-lo em situação mais confortável.

“Poderia (ser mais) pelo volume de jogo, pelas chances que nós criamos. O Fábio estava inspirado e a gente nem tanto para finalizar”, disse o meio-campista Souza. “O 1 a 0 é um placar magro, uma bola você iguala, mas a gente tinha o dever com o torcedor que aqui compareceu. Uma vantagem muito pequena, não dá para sentar em cima dela, mas um gol como visitante os obriga a fazer três”, emendou o goleiro Rogério Ceni, que tratou de destacar o papel da torcida que foi ao estádio. “Subir o túnel com 60 mil pessoas é uma experiência de vida, poucos atletas conseguem subir em um estádio nessa condição. Essa subida, encontrar esse público é fato único”, completou.

Pelo lado do Cruzeiro, o técnico Marcelo Oliveira mostrou-se satisfeito com o resultado por todas as chances criadas pelo São Paulo. Assim, ele confia em reviravolta da Raposa no duelo em Belo Horizonte.

“O São Paulo poderia até ter encaminhado de melhor forma sua classificação, mas temos totais condições de reverter. Por tudo que foi produzido no jogo de hoje (ontem), ficou de bom tamanho”, definiu ele.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Jogadores exaltam resultado, mas lamentam placar mínimo

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

07/05/2015 | 07:00


O São Paulo deixou o Morumbi com sentimento dúbio após vencer o Cruzeiro por 1 a 0. Se comemorou o triunfo e a vantagem para o jogo da volta, lamentou ter desperdiçado tantas oportunidades de gol que poderiam deixá-lo em situação mais confortável.

“Poderia (ser mais) pelo volume de jogo, pelas chances que nós criamos. O Fábio estava inspirado e a gente nem tanto para finalizar”, disse o meio-campista Souza. “O 1 a 0 é um placar magro, uma bola você iguala, mas a gente tinha o dever com o torcedor que aqui compareceu. Uma vantagem muito pequena, não dá para sentar em cima dela, mas um gol como visitante os obriga a fazer três”, emendou o goleiro Rogério Ceni, que tratou de destacar o papel da torcida que foi ao estádio. “Subir o túnel com 60 mil pessoas é uma experiência de vida, poucos atletas conseguem subir em um estádio nessa condição. Essa subida, encontrar esse público é fato único”, completou.

Pelo lado do Cruzeiro, o técnico Marcelo Oliveira mostrou-se satisfeito com o resultado por todas as chances criadas pelo São Paulo. Assim, ele confia em reviravolta da Raposa no duelo em Belo Horizonte.

“O São Paulo poderia até ter encaminhado de melhor forma sua classificação, mas temos totais condições de reverter. Por tudo que foi produzido no jogo de hoje (ontem), ficou de bom tamanho”, definiu ele.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;