Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Um problemão na Câmara de S.Bernardo


Beto Silva
Do Diário do Grande ABC

01/05/2015 | 07:00


Os vereadores de São Bernardo estão com um problema daqueles para resolver. Os parlamentares estão se desdobrando para manter as atividades legislativas. O esforço é sobre-humano. São dignos de todos os méritos de superação. Eis a celeuma: o vereador Gilberto França (PMDB) tem usado duas vagas de estacionamento, enquanto os outros 27 vereadores têm utilizado apenas uma. É ou não é um conflito intransponível? Cada gabinete tem uma vaga de carro oficial. Se um assessor para no local e o vereador chega, eles se comunicam para retirada de um veículo e entrada do outro. Ocorre que o peemedebista, segundo relatos dos colegas, tem feito diferente. Ele fica com duas vagas: do chefe de gabinete e dele. Mas o problema é tão grave que a direção e a presidência da Casa estão sem jeito de falar com Gilberto para solucionar a cizânia. Não querem criar clima de tensão. Imagine, caro leitor, a dificuldade de conversar com o parlamentar para resolver a questão. Seria um diálogo de 15 ou 20 segundos, talvez. É preciso coragem, valentia, destemor. Por isso, nos propomos a avisá-lo de maneira direta. Gilberto, seria possível vossa excelência usar apenas uma vaga de estacionamento, como fazem seus coleguinhas, e evitar que falem mal do senhor nas rodinhas do Legislativo? Grato. Está bom assim, presidente José Luís Ferrarezi (PT)?

Apreensão
O vereador de Mauá Wagner Rubinelli (PT) está desesperado com a possibilidade de passar no Congresso projeto que estabelece o voto distrital. Ele tem dois locais de concentração de votos: Parque das Américas e Jardim Zaíra. Mas já recebeu recado de que o governo apoiará nesses redutos as candidaturas de Rogério Santana (PT) e Marcelo Oliveira (PT).

Recordar é viver
Edílson de Paula (PT), secretário de Governo de Mauá, quando era somente dirigente da CUT (Central Única dos Trabalhadores), protocolou ofício em 2007, na gestão Leonel Damo, cobrando da Prefeitura iniciativas para comemoração do Dia do Trabalhador. Agora, com a administração da qual faz parte sem fazer absolutamente nada, nenhum showzinho sequer, o silêncio do sindicalista é ensurdecedor.

Será que ele vai?
Os sete prefeitos do Grande ABC se reúnem na segunda-feira, em mais uma assembleia ordinária do Consórcio Intermunicipal. No primeiro dia útil pós-feriado prolongado, a chance de todos os gestores comparecerem é quase nula. Expectativa maior é pela presença de Saulo Benevides (PMDB), cuja ausência tem sido regular nos encontros do colegiado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Um problemão na Câmara de S.Bernardo

Beto Silva
Do Diário do Grande ABC

01/05/2015 | 07:00


Os vereadores de São Bernardo estão com um problema daqueles para resolver. Os parlamentares estão se desdobrando para manter as atividades legislativas. O esforço é sobre-humano. São dignos de todos os méritos de superação. Eis a celeuma: o vereador Gilberto França (PMDB) tem usado duas vagas de estacionamento, enquanto os outros 27 vereadores têm utilizado apenas uma. É ou não é um conflito intransponível? Cada gabinete tem uma vaga de carro oficial. Se um assessor para no local e o vereador chega, eles se comunicam para retirada de um veículo e entrada do outro. Ocorre que o peemedebista, segundo relatos dos colegas, tem feito diferente. Ele fica com duas vagas: do chefe de gabinete e dele. Mas o problema é tão grave que a direção e a presidência da Casa estão sem jeito de falar com Gilberto para solucionar a cizânia. Não querem criar clima de tensão. Imagine, caro leitor, a dificuldade de conversar com o parlamentar para resolver a questão. Seria um diálogo de 15 ou 20 segundos, talvez. É preciso coragem, valentia, destemor. Por isso, nos propomos a avisá-lo de maneira direta. Gilberto, seria possível vossa excelência usar apenas uma vaga de estacionamento, como fazem seus coleguinhas, e evitar que falem mal do senhor nas rodinhas do Legislativo? Grato. Está bom assim, presidente José Luís Ferrarezi (PT)?

Apreensão
O vereador de Mauá Wagner Rubinelli (PT) está desesperado com a possibilidade de passar no Congresso projeto que estabelece o voto distrital. Ele tem dois locais de concentração de votos: Parque das Américas e Jardim Zaíra. Mas já recebeu recado de que o governo apoiará nesses redutos as candidaturas de Rogério Santana (PT) e Marcelo Oliveira (PT).

Recordar é viver
Edílson de Paula (PT), secretário de Governo de Mauá, quando era somente dirigente da CUT (Central Única dos Trabalhadores), protocolou ofício em 2007, na gestão Leonel Damo, cobrando da Prefeitura iniciativas para comemoração do Dia do Trabalhador. Agora, com a administração da qual faz parte sem fazer absolutamente nada, nenhum showzinho sequer, o silêncio do sindicalista é ensurdecedor.

Será que ele vai?
Os sete prefeitos do Grande ABC se reúnem na segunda-feira, em mais uma assembleia ordinária do Consórcio Intermunicipal. No primeiro dia útil pós-feriado prolongado, a chance de todos os gestores comparecerem é quase nula. Expectativa maior é pela presença de Saulo Benevides (PMDB), cuja ausência tem sido regular nos encontros do colegiado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;