Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Boa viagem, Sr. Spock

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ator Leonard Nimoy morreu ontem, aos 83 anos,
devido a complicações de uma doença pulmonar


Vinícius Castelli

28/02/2015 | 07:00


 "Vida longa e próspera”. Essa era a frase clássica usada pelo personagem Senhor Spock, ser vulcaniano de mãe humana, com orelhas pontudas e oficial da nave U.S.S. Enterprise, comandada pelo capitão James T. Kirk, na saga norte-americana Star Trek, conhecida no Brasil como Jornada nas Estrelas e que foi criada nos anos 1960.

Em meio a tantas fictícias viagens interplanetárias, o ator Leonard Nimoy, responsável por dar vida ao Senhor Spock, partiu ontem. Ele morreu aos 83 anos, nos Estados Unidos, vítima de complicações de doença pulmonar crônica obstrutiva, que havia sido diagnosticada no início de 2014. Ele foi internado em Los Angeles na semana passada, com dores no peito. A notícia da morte foi confirmada pela mulher do ator, Susan Bay Nimoy, ao jornal The New York Times.

Nascido em Boston, nos Estados Unidos, Nimoy deixa orfã legião de fãs, como o fã-clube da região Trekker ABC Sci-Fi & Cia. “Spock, por meio do exemplo, me mostrou que não há vergonha em ter sentimentos inflamados, mas o que fazer com eles é que torna algo vergonhoso ou não. Pode parecer estupidez, mas a figura dele e a forma com que Star Trek narra as histórias são absolutamente cativantes, e isso me inspirou demais. Não poucas vezes desejei ser vulcano”, disse Luciano Marzocca, integrante do grupo.

Nimey deu voz ao robô Optimus Prime, no longa Transformers: O Lado Oculto da Lua, de 2011. Entre seus trabalhos mais antigos está o filme Um Gato em Minha Vida, de 1951. Fez também direção, produção e escreveu diversos roteiros, além de ter participado de séries como The Big Bang Theory.

Mas foi como Senhor Spock que ele ganhou o mundo. Mais racional do que emocional, o personagem voou com a Enterprise pela primeira vez em 1966. Só nas telonas do cinema Nimoy encarnou Spock oito vezes, entre filmes clássicos, como Jornada nas Estrelas: O Filme, de 1979, e os da nova geração, casos de Star Trek Evolutions (2009) e Além da Escuridão: Star Trek, de 2013. Como série de TV, foram duas décadas de trabalho como Spock. “Uma vida é como um jardim. Momentos perfeitos podem ser vividos, mas não preservados, apenas na memória”, escreveu Nimoy, em sua conta no Twitter, no último dia 23. Que descanse em paz, Nimoy, e vida longa e próspera ao seu legado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;